O direito autoral revisitado

Mesmo com toda a facilidade de distribuio de msica, o artista que quiser ganhar em cima dos copyrights deve ter seu direito respeitado; mas ser que vale a pena?

O direito autoral revisitado
O direito autoral revisitado (Foto: Felipe L. Gonçalves/247)

Lucas Reginato _247 - As discussões sobre copyrights atingem hoje seu ponto máximo, com uma revolução causada pela internet e os novos modos de distribuição de arquivos, com as ofensivas governamentais antipirataria e uma nova leva de artistas que nasceu já dentro de uma nova lógica de mercado e ganha a vida apenas com shows ao vivo. Após essa mudança toda, os direitos autorais muitas vezes são ignorados e deixa uma questão ao músico: vale a pena cobrar o direito autoral ou é melhor entrar de vez na rede e “liberar geral” em nome de uma publicidade do meu nome?

Quem levanta a questão é MC Gi, eletrofunkeira carioca com álbuns lançados principalmente na Europa: “Acredito que se é interesse do artista, o direito autoral deve ser respeitado, mas, pelo menos no meu caso, a melhor estratégia é disponibilizar músicas gratuitamente”. A cantora e compositora afirma que o motivo maior é a pouca quantidade de pessoas que estão interessadas em ter o material físico de sua obra. “Quem compra mesmo é fã”, garante.

A discussão fica ainda mais difícil de lidar quando a obra em questão é um sampler, faixa musical que é utilizada como base para uma recriação. A fiscalização é complicada, e o órgão responsável no Brasil, o ECAD, é alvo de críticas da maioria esmagadora de artistas que afirmam não ver a cor do dinheiro.

Além de tudo, muitos artistas que já começaram a produzir nessa nova lógica de mercado são desinformados ou até mesmo nem ligam para as questões de direitos autorais. “A maioria dos moleques que estão começando no funk hoje nem fazem ideia do que seja isso”, afirma Sany Pitbull, produtor conhecido por lançar músicos mais jovens. De dentro do olho do furacão, ele prevê: “essa briga só está começando”.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247