‘O presidente da Câmara é réu. Por que não tiram ele do cargo?’

Deputada Alice Portugal (PC do B) defende a presidente Dilma Rousseff diante do pedido de impeachment e faz contraponto com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha), que é réu na Operação Lava Jato, sob acusação de ter mais de US$ 5 milhões em propinas depositados em contas não declaradas na Suíça; "Contra Dilma, não tem sequer uma justificativa para impeachment. A própria comissão não era para ser instalada. Vão tirar a presidente da cadeira por quê? Qual crime? Pedaladas? Não há provas ou acusação contra ela. Já o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, é réu. Por que o Supremo não tira o presidente?", questiona Alice

Deputada Alice Portugal (PC do B) defende a presidente Dilma Rousseff diante do pedido de impeachment e faz contraponto com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha), que é réu na Operação Lava Jato, sob acusação de ter mais de US$ 5 milhões em propinas depositados em contas não declaradas na Suíça; "Contra Dilma, não tem sequer uma justificativa para impeachment. A própria comissão não era para ser instalada. Vão tirar a presidente da cadeira por quê? Qual crime? Pedaladas? Não há provas ou acusação contra ela. Já o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, é réu. Por que o Supremo não tira o presidente?", questiona Alice
Deputada Alice Portugal (PC do B) defende a presidente Dilma Rousseff diante do pedido de impeachment e faz contraponto com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha), que é réu na Operação Lava Jato, sob acusação de ter mais de US$ 5 milhões em propinas depositados em contas não declaradas na Suíça; "Contra Dilma, não tem sequer uma justificativa para impeachment. A própria comissão não era para ser instalada. Vão tirar a presidente da cadeira por quê? Qual crime? Pedaladas? Não há provas ou acusação contra ela. Já o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, é réu. Por que o Supremo não tira o presidente?", questiona Alice (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - Deputada federal Alice Portugal, do PC do B, defende a presidente Dilma Rousseff diante do pedido de impeachment e faz contraponto com o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que é réu na Operação Lava Jato, sob acusação de ter mais de US$ 5 milhões em propinas depositados em contas não declaradas na Suíça.

"Contra Dilma, não tem sequer uma justificativa para impeachment. A própria comissão não era para ser instalada. Vão tirar a presidente da cadeira por quê? Qual crime? Pedaladas? Não há provas ou acusação contra ela. Já o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, é réu. Por que o Supremo não tira o presidente?", questiona Alice em matéria do jornal Tribuna da Bahia.

O processo que Dilma enfrenta tem como base as chamadas pedaladas fiscais que a presidente teria praticado na área fiscal em 2014 e início de 2015. O pedido de impeachment foi protocolado pelos juristas Miguel Reale Júnior, Hélio Bicudo e Janaína Paschoal.

A deputada Alice Portugal também defende o ex-presidente Lula, que foi nomeado no cargo de ministro-chefe da Casa Civil, mas o Supremo Tribunal Federal manteve uma liminar que suspendeu sua posse sob argumento de que a ida dele para o governo se deu para que não fosse preso na Operação Lava Jato.

"É fundamental que todos os atos ilícitos sejam punidos, mas não podemos transformar o Brasil em um país conflagrado. Você vai condenar quem você tem prova. Mas contra quem não tem prova e vai se discutir a existência da prova, supor, e a suposição já leva à condenação, leva o Brasil à conflagração. Não há provas de que o ex-presidente Lula tenha se beneficiado com dinheiro necessariamente da Lava Jato para ter esse ou aquele patrimônio e assim jogam uma suposição para condená-lo publicamente e politicamente", analisa a comunista.

"A minha compreensão é que é preciso ter paz em primeiro lugar, não incitar a sociedade ao ódio, e ao mesmo tempo, garantir que a Justiça trabalhe de maneira isenta e puna quem tem prova para punir. Quem não tem prova, não vamos perseguir. O ex-presidente Lula está sendo perseguido, não há provas contra ele", diz Alice Portugal.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247