Orçamento é aprovado com aumento de duodécimo

O Orçamento de 2016 finalmente foi aprovado na Assembleia Legislativa com reajuste linear de 4% para os poderes Judiciário e Legislativo; proposta inicial do governo era de um aumento de 3,4%, mas houve um acordo após com os presidentes das Casas; o valor total do Orçamento é de mais de R$ 8 bilhões

O Orçamento de 2016 finalmente foi aprovado na Assembleia Legislativa com reajuste linear de 4% para os poderes Judiciário e Legislativo; proposta inicial do governo era de um aumento de 3,4%, mas houve um acordo após com os presidentes das Casas; o valor total do Orçamento é de mais de R$ 8 bilhões
O Orçamento de 2016 finalmente foi aprovado na Assembleia Legislativa com reajuste linear de 4% para os poderes Judiciário e Legislativo; proposta inicial do governo era de um aumento de 3,4%, mas houve um acordo após com os presidentes das Casas; o valor total do Orçamento é de mais de R$ 8 bilhões (Foto: Voney Malta)

Alagoas 247 - O governador Renan Filho (PMDB) não encontrou resistência na aprovação do orçamento do exercício financeiro de 2016, na sessão ordinária realizada na tarde desta quarta-feira (16) na Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE). Ao fechar um acordo possibilitando um reajuste linear de 4% para os duodécimos dos Poderes, a matéria finalmente entrou em votação nesta quarta e foi aprovada pelos parlamentares. A peça global é da ordem de R$ 8.419.876.246,00. 

Para o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Ronaldo Medeiros (PMDB), a aprovação da peça orçamentária permite que o governo do estado siga com os investimentos necessários em várias áreas, possibilitando, ainda, que o abastecimento de medicamento seja reposto nas unidades hospitalares assistidas pelo governo de Alagoas. 

O orçamento foi aprovado nesta quarta-feira, mas chegou à Casa de Tavares Bastos no mês de dezembro do ano passado. 

O governador Renan Filho enviou uma peça com redução de receita este ano, diante da queda da economia brasileira. Inclusive, o governador defendeu um reajuste de 3,4% nos valores dos duodécimos dos poderes, mas após dias de discussão com os presidentes das Casas, o percentual subiu. 

Com gazetaweb.com

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247