Palmeiras perde da Lusa e segue na degola

Com dois gols de cabeça de Bruno Mineiro e um golaço de Moisés, Lusa faz a trinca e deixa o Palmeiras ainda mais lá no fundo da tabela

Palmeiras perde da Lusa e segue na degola
Palmeiras perde da Lusa e segue na degola (Foto: Piervi Fonseca/Folhapress)

Band.com.br - No confronto entre os paulistas mais à baixo na tabela, a Portuguesa se recuperou da derrota na última rodada e venceu o Palmeiras por 3 a 0, nesta quarta-feira, no Pacaembu, pela 20ª rodada do Brasileiro. Com dois gols de Bruno Mineiro e um golaço de Moisés, os lusitanos afundaram ainda mais o Verdão, que permanece na zona de rebaixamento.

Em um jogo bastante disputado, acirrado e cheio de divididas, a Portuguesa conseguiu se dar melhor dentro de casa. Com Ananias infernizando os lados da defesa do Palmeiras, a Lusa conseguiu as melhores jogadas. Com o resultado, o time do Canindé chega aos 25 pontos. Já o Verdão, que pegou o elevador e só está descendo, permanece com os 16 pontos.

Na próxima rodada, um duelo de times de origens lusitanas. A Portuguesa vai visitar o Vasco, em São Januário, às 21h, no sábado. No mesmo dia, só que às 18h30, Palmeiras e Grêmio reeditam a semifinal da Copa do Brasil, só que desta vez no Pacaembu.

O Jogo

Brigando pela parte inferior da tabela, Portuguesa e Palmeiras começaram o jogo bastante truncado. Com jogadores de mais contensão e pesados, as duas equipes pararam o jogo insistentemente. Logo aos 4 minutos, Valdivia reclamou de uma cotovelada desferida por Moisés.

A Lusa, mandante, tentou buscar o resultado através das pontas. Ananias começou o primeiro tempo caindo nas costas de João Vitor, que teve bastantes problemas. O atacante Rubro-verde impôs uma correria aliada à técnica pelo canto e criou as melhores jogadas do time. Pelo lado, Rogério também chegou com perigo.

O Palmeiras optou pelos contra-ataques, puxados, ora por Correa ora por Valdivia, com intenção de encontrar Mazinho, Betinho ou Barcos. O argentino, convocado pela primeira vez para a Seleção argentina, teve boa movimentação. Aos 18 minutos, a melhor jogadas do Pirata, que deu um belo drible da vaca e, mesmo com a marcação de três adversários, virou a jogada e achou Betinho, que não dominou.

O jogo, bastante pegado, ficou quente no final da etapa. Valdivia deu um chute em Ananias, que revidou peitando o Mago. Houve um empurra-empurra na jogada, mas Seneme só advertiu os dois envolvidos com o cartão amarelo. Com isso, o camisa 10 do Palmeiras está fora do jogo contra o Grêmio, no sábado. Ananias ainda teve tempo para fazer bem o pivô, girar na marcação de Leandro Amaro e obrigar Bruno a se esticar e fazer bela defesa. Sem muita técnica, a partida, com bastante luta e vontade, se encaminhou com o placar inalterado

Segundo tempo

As duas equipes voltaram, mas o jogo manteve o estilo truncado. Logo no primeiro minuto, Moisés e Henrique se desentenderam e foram advertidos com o amarelo. Mas, a cara do jogo se modificou. O melhor jogador da partida até então, Ananias dá belo drible da vaca em Correa e cruza para Bruno Mineiro. Leandro Amaro, que estava na marcação, escorregou e deixou o atacante livre para cabecear com estilo, no ângulo direito de Bruno.

O Palmeiras, atrás do placar e se afundando na tabela do Brasileiro, saiu mais para o jogo. Felipão colocou em campo Márcio Araújo e Obina. O time engrenou, mas a Portuguesa foi quem ditou as jogadas ofensivas. Luis Ricardo teve ótima chance de ampliar o marcador, mas Bruno espalmou para fora. O Rubro-verde continuou explorando as laterais, com a velocidade de Ananias. Foi assim que saiu o segundo gol: atacante deu bom passe de calcanhar para Rogério, que chutou e a bola bateu na trave. No rebote, Bruno Mineiro, de cabeça, colocou para dentro.

O Verdão ficou muito refém do Pirata. Barcos tinha de voltar para armar as jogadas e ainda concluir ao gol. Com o time desnorteado com o placar adverso, os lances ofensivos não infringiam muito perigo ao gol defendido por Dida. A Lusa aproveitou a desestabilidade para liquidar. Aos 40 minutos, Moisés gira em cima de Juninho e faz um belo gol.

FICHA TÉCNICA

PORTUGUESA 3 X 0 PALMEIRAS

PORTUGUESA: Dida; Luis Ricardo, Gustavo, Valdomiro e Rogério (Lima - 39' 2º/T); Ferdinando, Léo Silva, Moisés e Boquita; Ananias (Diego Viana -38 2º/T) e Bruno Mineiro (Maylson - 45'2ºT). Técnico: Geninho.

PALMEIRAS: Bruno; João Vitor, Leandro Amaro, Thiago Heleno e Juninho; Henrique, Correa (Márcio Araújo - 14'2ºT), Valdivia e Mazinho (Obina, 14' 2ºT); Barcos e Betinho (Maikon Leite - intervalo). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Local: Canindé, em São Paulo (SP)

Data/hora: 29/8/2012, às 20h30

Árbitro: Wilson Luiz Seneme (SP)

Auxiliares: Anderson Moraes Coelho (SP) e Herman Brumel Vani (SP)

Renda e público: R$ 214.390,00 /7.531 pagantes

Cartões amarelos: Boquita, Ananias e Moisés (POR); Valdivia, Thiago Heleno, Henrique e Leandro Amaro (PAL)

Gols: Bruno Mineiro, 04' 2º/T (1-0); Bruno Mineiro, 24' 2º/T (2-0); Moisés, 40' 2º/T (3-0)

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247