Pernambuco preenche 100% das vagas do Mais Médicos

Pernambuco receberá mais 22 profissionais do Programa Mais Médicos, do Governo Federal, e passará a ter 100% de sua demanda atendida pelo programa, o correspondente a 569 médicos, beneficiando mais de 1,9 milhões de pessoas no Estado; em nível nacional, são mais de 3,5 mil médicos que iniciam suas atividades nesta semana, o que garante o cumprimento da meta estabelecida pelo Governo Federal de levar 13.235 profissionais para atuarem nas regiões do País mais vulneráveis socialmente, sobretudo as do interior; cerca de 49 milhões de pessoas serão beneficiadas.

Pernambuco receberá mais 22 profissionais do Programa Mais Médicos, do Governo Federal, e passará a ter 100% de sua demanda atendida pelo programa, o correspondente a 569 médicos, beneficiando mais de 1,9 milhões de pessoas no Estado; em nível nacional, são mais de 3,5 mil médicos que iniciam suas atividades nesta semana, o que garante o cumprimento da meta estabelecida pelo Governo Federal de levar 13.235 profissionais para atuarem nas regiões do País mais vulneráveis socialmente, sobretudo as do interior; cerca de 49 milhões de pessoas serão beneficiadas.
Pernambuco receberá mais 22 profissionais do Programa Mais Médicos, do Governo Federal, e passará a ter 100% de sua demanda atendida pelo programa, o correspondente a 569 médicos, beneficiando mais de 1,9 milhões de pessoas no Estado; em nível nacional, são mais de 3,5 mil médicos que iniciam suas atividades nesta semana, o que garante o cumprimento da meta estabelecida pelo Governo Federal de levar 13.235 profissionais para atuarem nas regiões do País mais vulneráveis socialmente, sobretudo as do interior; cerca de 49 milhões de pessoas serão beneficiadas. (Foto: Paulo Emílio)

Pernambuco 247 – Pernambuco receberá mais 22 profissionais do Programa Mais Médicos, do Governo Federal, e passará a ter 100% de sua demanda atendida pelo programa, o correspondente a 569 médicos, beneficiando mais de 1,9 milhões de pessoas no Estado. Em nível nacional, são mais de 3,5 mil médicos que iniciam suas atividades nesta semana, o que garante o cumprimento da meta estabelecida pelo Governo Federal de levar 13.235 profissionais para atuarem nas regiões do País mais vulneráveis socialmente, sobretudo as do interior. Cerca de 49 milhões de pessoas serão beneficiadas.

“Com esse programa, estamos conseguindo prestar atendimento a uma quantidade muito maior de pessoas, com maior qualidade, tratar o povo com dignidade e com mais respeito. A grande maioria dos brasileiros que estamos atendendo nunca teve contato com uma equipe de saúde da família completa”, afirmou, em nota, o Ministro da Saúde, Arthur Chioro.

De acordo com informações do Ministério da Saúde, o Sudeste e o Nordeste são as regiões onde estão concentrados o maior número de profissionais, com 4.170 e 4.147 médicos, respectivamente. Em seguida vêm o Sul, com 2.261, o Norte (1.764) e o Centro-Oeste (893). Outros 305 médicos estão atuando em distritos indígenas.

O ministério informou, ainda, que um levantamento feito pela pasta em 688 cidades que receberam 1.592 profissionais do Mais Médicos mostrou que, em novembro de 2013, o atendimento a pessoas com hipertensão cresceu 27,3% no comparativo com o mês de junho do mesmo ano, antes da chegada dos profissionais. No mesmo período, a assistência aos diabéticos aumentou 14,4%, a quantidade de pacientes em acompanhamento, 13,2%, e o agendamento de consultas, 10,3%.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247