Pesquisadores dos EUA aprestam estudo inédito no Ceará

Na próxima terça (7), pesquisadores da Califórnia (EUA) apresentam estudo inédito sobre gerenciamento de recursos hídricos em encontro no Palácio da Abolição, sede do governo estadual. O objetivo da visita é iniciar um estudo de readequação do Sistema de Informações para o Manejo da Irrigação no Ceará tendo como referência os excelentes resultados obtidos no estado americano

Na próxima terça (7), pesquisadores da Califórnia (EUA) apresentam estudo inédito sobre gerenciamento de recursos hídricos em encontro no Palácio da Abolição, sede do governo estadual. O objetivo da visita é iniciar um estudo de readequação do Sistema de Informações para o Manejo da Irrigação no Ceará tendo como referência os excelentes resultados obtidos no estado americano
Na próxima terça (7), pesquisadores da Califórnia (EUA) apresentam estudo inédito sobre gerenciamento de recursos hídricos em encontro no Palácio da Abolição, sede do governo estadual. O objetivo da visita é iniciar um estudo de readequação do Sistema de Informações para o Manejo da Irrigação no Ceará tendo como referência os excelentes resultados obtidos no estado americano (Foto: Rodrigo Rocha)

Ceará 247 - Uma experiência inédita no Brasil promete iniciar novo cenário de gerenciamento de recursos hídricos no Ceará, mais precisamente no Médio e Baixo Jaguaribe. O "Estudo técnico para a alocação de água destinada à irrigação", financiado pela Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), tem, entre os objetivos, definir critérios para o uso da água e realizar o monitoramento climático, servindo também como forma de assessoramento ao agricultor. Para dar início ao projeto, o governador Camilo Santana receberá pesquisadores da Califórnia (EUA), na próxima terça-feira (7), no Palácio da Abolição.

Durante a reunião, Richard Snyder, pesquisador da Universidade da Califórnia - Davis (UCDavis) e um dos criadores do Sistema de Informação para o Manejo da Irrigação na Califórnia (CIMIS); e Cayle Little, engenheiro da Divisão da Gestão Integrada das Águas do Departamento de Recursos Hídricos da Califórnia (DWR), apresentarão as ações realizadas pelo DWR para o gerenciamento da crise hídrica atual e a importância do CIMIS que, desde a sua criação, em 1982, vem contribuindo para o uso racional da água na agricultura naquele estado americano.

O objetivo da visita é iniciar um estudo de readequação, tendo como referência o CIMIS, do Sistema de Informações para o Manejo da Irrigação no Ceará (SIMIC), rede integrada de estações que foi constituída em 1999 a partir de um Projeto Piloto implementado pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), mas que ficou em fase de testes.

"A experiência é inédita no País é dará um novo norte para o manejo da água na agricultura do Ceará. O que os pesquisadores californianos vão compartilhar conosco é uma realidade com resultados bastante satisfatórios, podendo ser propagada em todo o Brasil. Na prática, a distribuição da água garante que nenhuma cultura seja penalizada em detrimento de outra", destaca Ferruccio Feitosa, presidente da Adece

(Com informações do Governo do Estado)

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247