Piauí supera desafios e se destaca em várias áreas

O Piauí tem sido um dos estados que mais tem conseguido superar os desafios do atraso em vários setores; os investimentos no turismo, por exemplo, geram empregos e ajudam na redução da pobreza; o Piauí cresce com uma média superior a do Nordeste e a do Brasil e é referência em produção de energia e também em setores essenciais à dignidade humana, casos da saúde e educação

O Piauí tem sido um dos estados que mais tem conseguido superar os desafios do atraso em vários setores; os investimentos no turismo, por exemplo, geram empregos e ajudam na redução da pobreza; o Piauí cresce com uma média superior a do Nordeste e a do Brasil e é referência em produção de energia e também em setores essenciais à dignidade humana, casos da saúde e educação
O Piauí tem sido um dos estados que mais tem conseguido superar os desafios do atraso em vários setores; os investimentos no turismo, por exemplo, geram empregos e ajudam na redução da pobreza; o Piauí cresce com uma média superior a do Nordeste e a do Brasil e é referência em produção de energia e também em setores essenciais à dignidade humana, casos da saúde e educação (Foto: Voney Malta)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Piauí 247 - O Piauí tem sido um dos estados que mais tem conseguido superar os desafios do atraso em vários setores. Investimentos no turismo, por exemplo, geram empregos e ajudam na redução da pobreza.

Um Estado que cresce com uma média superior a do Nordeste e a do Brasil, o Piauí é referência em produção de energia e também em setores essenciais à dignidade humana, casos da saúde e educação

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247