CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Plano de Haddad para se reeleger é se descolar do PT

Secretário de Transportes, Jilmar Tatto, um dos principais aliados do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, afirma que “o PT ficou velho, perdeu o discurso inovador” e agora pode atrapalhar nas eleições; segundo ele, Haddad, no comando da principal capital petista, representa a modernidade que o partido não conseguiu e, para reeleger-se em 2016, deve se descolar da imagem da legenda; para consolidar apoio para a reeleição, Haddad também quer abrir espaço para PR, PDT e PC do B

Secretário de Transportes, Jilmar Tatto, um dos principais aliados do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, afirma que “o PT ficou velho, perdeu o discurso inovador” e agora pode atrapalhar nas eleições; segundo ele, Haddad, no comando da principal capital petista, representa a modernidade que o partido não conseguiu e, para reeleger-se em 2016, deve se descolar da imagem da legenda; para consolidar apoio para a reeleição, Haddad também quer abrir espaço para PR, PDT e PC do B (Foto: Roberta Namour)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – Na disputa pela reeleição em 2016, o prefeito Fernando Haddad deve se deslocar da imagem do PT. É o que defende o secretário de Transportes, Jilmar Tatto, um de seus principais aliados na capital paulista.

Em entrevista ao Valor, ele afirma que “o PT ficou velho, perdeu o discurso inovador” e agora pode atrapalhar nas eleições. Segundo ele, Haddad, no comando da principal capital petista, representa a modernidade que o partido não conseguiu e, para reeleger-se em 2016, deve se descolar da imagem da legenda.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Para consolidar apoio para 2016, Haddad também quer abrir espaço para PR, PDT e PC do B. A principal mudança envolve a Secretaria das Subprefeituras, com a entrada do ex-deputado federal Luiz Antônio de Medeiros, fundador e ex-presidente da Força Sindical (leia mais).

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO