Podemos desfilia Baldy e diz que posse no ministério é incompatível

O deputado federal Alexandre Baldy irá tomar posse como ministro das Cidades nesta semana; em nota, o Podemos informou hoje que o deputado está fora do partido porque é incompatível a posse no ministério com a posição de independência da legenda diante do governo federal; "Por isso, o partido já trata de sua imediata desfiliação, desejando boa sorte ao parlamentar", diz o texto; Baldy deve se filiar ao PP; o deputado tem como base a cidade de Anápolis e hoje é um dos principais aliados do presidente da Câmara, Rodrigo Maia; Baldy costuma acompanhar Maia em viagens oficiais e não oficiais

O deputado federal Alexandre Baldy irá tomar posse como ministro das Cidades nesta semana; em nota, o Podemos informou hoje que o deputado está fora do partido porque é incompatível a posse no ministério com a posição de independência da legenda diante do governo federal; "Por isso, o partido já trata de sua imediata desfiliação, desejando boa sorte ao parlamentar", diz o texto; Baldy deve se filiar ao PP; o deputado tem como base a cidade de Anápolis e hoje é um dos principais aliados do presidente da Câmara, Rodrigo Maia; Baldy costuma acompanhar Maia em viagens oficiais e não oficiais
O deputado federal Alexandre Baldy irá tomar posse como ministro das Cidades nesta semana; em nota, o Podemos informou hoje que o deputado está fora do partido porque é incompatível a posse no ministério com a posição de independência da legenda diante do governo federal; "Por isso, o partido já trata de sua imediata desfiliação, desejando boa sorte ao parlamentar", diz o texto; Baldy deve se filiar ao PP; o deputado tem como base a cidade de Anápolis e hoje é um dos principais aliados do presidente da Câmara, Rodrigo Maia; Baldy costuma acompanhar Maia em viagens oficiais e não oficiais (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247 - O deputado federal Alexandre Baldy irá tomar posse como ministro das Cidades nesta semana. Em nota, o Podemos informou hoje que o deputado está fora do partido porque é incompatível a posse no ministério com a posição de independência da legenda diante do governo federal. "Por isso, o partido já trata de sua imediata desfiliação, desejando boa sorte ao parlamentar", diz o texto.

Baldy deve se filiar ao PP. O deputado tem como base a cidade de Anápolis e hoje é um dos principais aliados do presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Baldy costuma acompanhar Maia em viagens oficiais e não oficiais. Virou amigo do presidente da Casa.
 
Abaixo, a nota do Podemos: 

Nota oficial

O Podemos anuncia a saída, do partido, do deputado Alexandre Baldy (GO), que assumirá pasta no governo do presidente Michel Temer. O ingresso no ministério é incompatível com a posição de independência do Podemos em relação ao Governo Federal e com o projeto político que propõe uma alternativa para o País, com a pré-candidatura de Alvaro Dias à Presidência. Por isso, o partido já trata de sua imediata desfiliação, desejando boa sorte ao parlamentar.


Renata Abreu

Presidente nacional do Partido

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247