Polícia fará reconstituição de caso de garoto morto no Habbib's

Reconstituição dos fatos que levaram à morte um adolescente após uma confusão com funcionários do Habbib's em São Paulo será realizada nesta terça-feira (25), de acordo com a Polícia; caso aconteceu no dia 26 de fevereiro em uma loja da rede na Zona Norte da capital paulista; reconstituição da morte de João Victor Souza de Carvalho será feita com base em duas versões relatadas às autoridades que investigam o caso

Reconstituição dos fatos que levaram à morte um adolescente após uma confusão com funcionários do Habbib's em São Paulo será realizada nesta terça-feira (25), de acordo com a Polícia; caso aconteceu no dia 26 de fevereiro em uma loja da rede na Zona Norte da capital paulista; reconstituição da morte de João Victor Souza de Carvalho será feita com base em duas versões relatadas às autoridades que investigam o caso
Reconstituição dos fatos que levaram à morte um adolescente após uma confusão com funcionários do Habbib's em São Paulo será realizada nesta terça-feira (25), de acordo com a Polícia; caso aconteceu no dia 26 de fevereiro em uma loja da rede na Zona Norte da capital paulista; reconstituição da morte de João Victor Souza de Carvalho será feita com base em duas versões relatadas às autoridades que investigam o caso (Foto: Paulo Emílio)

SP 247 - A reconstituição dos fatos que levaram à morte um adolescente após uma confusão com funcionários do Habbib's em São Paulo será realizada nesta terça-feira 25, de acordo com a Polícia Civil. O caso aconteceu no dia 26 de fevereiro em uma loja da rede alimentícia na Zona Norte da capital paulista.

A reconstituição da morte de João Victor Souza de Carvalho será feita com base em duas versões relatadas às autoridades que investigam o caso. Em uma delas, duas testemunhas relataram que a vítima foi agredida por dois funcionários do estabelecimento antes de morrer. Na outra versão, os funcionários negam a agressão e afirmam que o jovem foi apenas repreendido. Logo em seguida ele teria corrido e desfalecido em seguida.

As câmeras de segurança mostram os funcionários da loja correndo atrás do jovem momentos após este ameaçar atirar um pedaço de pau contra o estabelecimento. Em seguida, as imagens mostram o jovem, já desfalecido, sendo arrastado pelos funcionários e sendo deixado inerte na calçada. As filmagens não mostram se o jovem teria sido ou não agredido. Ainda segundo os empregados da loja, o menor teria sido agredido por um cliente não identificado.

Um laudo inicial do Instituto Médico Legal (IML) apontou que o adolescente teria morrido em decorrência de um infarto após a ingestão de drogas. Um segundo laudo, realizado após a exumação do corpo, confirmou o óbito por ataque cardíaco devido ao uso de lança-perfume e cocaína.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247