Polícia indicia onze pessoas por morte no Hopi Hari

Acusados iro responder por homicdio culposo pela morte da adolescente Gabriela Nichimura

Polícia indicia onze pessoas por morte no Hopi Hari
Polícia indicia onze pessoas por morte no Hopi Hari (Foto: Rochelle Costi/Folhapress)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – A Polícia Civil de São Paulo indiciou onze pessoas, nesta terça-feira (17), pela morte da adolescente Gabriela Nichimura, de 14 anos, no parque de diversões Hopi Hari. Segundo informações divulgadas pela Secretária de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), os indiciados vão responder por homicídio culposo – quando não há intenção de matar. Após a conclusão, o inquérito, que investiga a queda da adolescente do brinquedo "La Tour Eiffel", será encaminhado ao Ministério Público e à Justiça.

Os nomes dos indiciados serão divulgados em entrevista coletiva marcada para as 16h. A conclusão do inquérito ocorre 54 dias após o acidente. Na última sexta-feira (13), um laudo do Instituto de Criminalística (IC) havia apontado falha humana na operação do brinquedo.

Cerca de 20 testemunhas prestaram esclarecimentos durante a primeira etapa da investigação. O último depoimento ocorreu na tarde desta segunda-feira (16), quando o vice-presidente do parque, Claudio Guimarães, foi chamado para esclarecer os defeitos na manutenção do brinquedo. Entre as testemunhas ouvidas estão uma prima de Gabriela (Natasha Domareski), uma tia, a mãe da adolescente (Silmara Nichimura) e os operadores Edson da Silva, Marcos Antônio Tomás Leal e Vitor Igor de Oliveira, além do atendente sênior Lucas Martins.

Os documentos com a conclusão dos trabalhos investigados será encaminhado para o promotor Rogério Sanches, que terá 15 dias para apresentar o caso à Justiça.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email