Político mais delatado na Lava Jato, Aécio celebra denúncia contra Lula

Citado por diversos delatores da Lava Jato, o senador Aécio Neves (PSDB-MG), presidente nacional do PSDB, divulgou nota em que comenta a denúncia formalizada nesta tarde contra o ex-presidente Lula; "O partido aguarda a importante e necessária decisão da Justiça sobre as acusações feitas e que, se confirmadas na sua integridade, não deixarão mais qualquer dúvida sobre a complexa estrutura da organização criminosa estabelecida pelo PT", disse ele; Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, o acusou de cobrar propinas de 3% nas obras da Cidade Administrativa; ele também foi apontado como responsável por um esquema de propinas em Furnas

Citado por diversos delatores da Lava Jato, o senador Aécio Neves (PSDB-MG), presidente nacional do PSDB, divulgou nota em que comenta a denúncia formalizada nesta tarde contra o ex-presidente Lula; "O partido aguarda a importante e necessária decisão da Justiça sobre as acusações feitas e que, se confirmadas na sua integridade, não deixarão mais qualquer dúvida sobre a complexa estrutura da organização criminosa estabelecida pelo PT", disse ele; Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, o acusou de cobrar propinas de 3% nas obras da Cidade Administrativa; ele também foi apontado como responsável por um esquema de propinas em Furnas
Citado por diversos delatores da Lava Jato, o senador Aécio Neves (PSDB-MG), presidente nacional do PSDB, divulgou nota em que comenta a denúncia formalizada nesta tarde contra o ex-presidente Lula; "O partido aguarda a importante e necessária decisão da Justiça sobre as acusações feitas e que, se confirmadas na sua integridade, não deixarão mais qualquer dúvida sobre a complexa estrutura da organização criminosa estabelecida pelo PT", disse ele; Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, o acusou de cobrar propinas de 3% nas obras da Cidade Administrativa; ele também foi apontado como responsável por um esquema de propinas em Furnas (Foto: Leonardo Attuch)

Minas 247 – Citado por diversos delatores da Lava Jato, e acusado de cobrar propinas de 3% na Cidade Administrativa de Belo Horizonte (saiba mais aqui) e também em Furnas, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) divulgou nota em que comenta a denúncia oferecida nesta tarde contra o ex-presidente Lula. Confira:

Nota do presidente nacional do PSDB

O PSDB, ao lado dos brasileiros, acompanhou a apresentação dos graves fatos narrados esta tarde, em Curitiba (PR), pela coordenação da força-tarefa da Operação Lava Jato. 

O partido aguarda a importante e necessária decisão da Justiça sobre as acusações feitas e que, se confirmadas na sua integridade, não deixarão mais qualquer dúvida sobre a complexa estrutura da organização criminosa estabelecida pelo PT.

Aécio Neves

Presidente nacional do PSDB

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247