PR quer mais espaço no governo Wagner

De liderança da oposição na Assembleia Legislativa, o PR passou a aliado de primeira linha do governador Jaques Wagner e já quer aumentar seu espaço na administração do petista; os republicanos esperam definição sobre indicação para Diretoria de Relações Nacionais da Bahiatursa; apesar das movimentações de bastidor, o presidente local do partido, deputado federal José Rocha, diz que a legenda se sente "contemplada" no governo, mas deixa claro anseio pelo cargo; "Ficou certo ainda que o governador atenda esse pedido"

De liderança da oposição na Assembleia Legislativa, o PR passou a aliado de primeira linha do governador Jaques Wagner e já quer aumentar seu espaço na administração do petista; os republicanos esperam definição sobre indicação para Diretoria de Relações Nacionais da Bahiatursa; apesar das movimentações de bastidor, o presidente local do partido, deputado federal José Rocha, diz que a legenda se sente "contemplada" no governo, mas deixa claro anseio pelo cargo; "Ficou certo ainda que o governador atenda esse pedido"
De liderança da oposição na Assembleia Legislativa, o PR passou a aliado de primeira linha do governador Jaques Wagner e já quer aumentar seu espaço na administração do petista; os republicanos esperam definição sobre indicação para Diretoria de Relações Nacionais da Bahiatursa; apesar das movimentações de bastidor, o presidente local do partido, deputado federal José Rocha, diz que a legenda se sente "contemplada" no governo, mas deixa claro anseio pelo cargo; "Ficou certo ainda que o governador atenda esse pedido" (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - De liderança da oposição na Assembleia Legislativa, o Partido da República (PR) passou a aliado de primeira linha do governador Jaques Wagner e já quer aumentar seu espaço na administração do petista no seu último ano de mandato.

Após frustração por não conseguiu indicar um de seus quadros para a presidência da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), o PR emplacou dois cargos de segundo escalão: uma na própria Conder, a Diretoria de Habitação e Urbanização Integrada, com Deusdete Fagundes de Brito; e a Diretoria de Administração e Finanças, com Carlos Frederico de Almeida Borges.

Segundo matéria do jornal Tribuna da Bahia, os republicanos esperam com ansiedade definição de Wagner sobre indicação para a diretoria de Relações Nacionais da Bahiatursa. Cotado para o cargo é o ex-deputado estadual Junior Magalhães.

Apesar das movimentações de bastidor, o presidente do PR na Bahia, deputado federal José Rocha, contudo, diz que a legenda se sente "contemplada" no governo, mas também deixa claro anseio pelo cargo da Bahiatursa. "Ficou certo ainda que o governador atenda esse pedido".

Maior liderança do PR na Bahia, o ministro dos Transportes, César Borges, que é ex-governador pelo antigo PFL (hoje DEM), decidiu ir de encontro à vontade de seus correligionários e tirou seu partido da posição de liderança da bancada da minoria na Assembleia e o entregou à base de sustentação de Jaques Wagner. Dois dos seus quatro deputados deixaram o PR e foram para o DEM.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email