Prefeitos do MDB defendem aliança com PSDB

Pelos menos dois prefeitos do MDB respaldam a iniciativa do ex-governador Maguito Vilela (MDB) de abrir diálogo com o PSDB do governador José Eliton e do ex-governador Marconi Perillo com vistas à eleição deste ano. São eles: Ana Cláudia Lemos, de Caçu, e Ricardo Goulart, de Itarumã; “Seria interessante se Daniel [Vilela, pré-candidato a governador do MDB] e José Eliton caminhassem juntos. No meu caso, recebo muitos benefícios de um e de outro. Imagine se os dois partidos estivessem juntos? Os prefeitos de oposição seriam extremamente beneficiados”, afirma Ana Cláudia

marconi e maguito
marconi e maguito (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - Pelos menos dois prefeitos do MDB respaldam a iniciativa do ex-governador Maguito Vilela (MDB) de abrir diálogo com o PSDB do governador José Eliton e do ex-governador Marconi Perillo com vistas à eleição deste ano. São eles: Ana Cláudia Lemos, de Caçu, e Ricardo Goulart, de Itarumã.

“Seria interessante se Daniel [Vilela, pré-candidato a governador do MDB] e José Eliton caminhassem juntos. No meu caso, recebo muitos benefícios de um e de outro. Imagine se os dois partidos estivessem juntos? Os prefeitos de oposição seriam extremamente beneficiados”, afirma Ana Cláudia.

"Torço muito por isso [Daniel e Eliton juntos] e acho que tem tudo para dar certo. Ótima iniciativa do ex-governador Maguito”, diz Ricardo Goulart. Ambos fazem parte da ala do MDB que, nos últimos meses, apresentou-se como defensora da postulação de Daniel ao Palácio das Esmeraldas.

A notícia de que se construiu uma ponte entre o MDB e o PSDB foi dada pelo próprio Maguito em entrevista a rádios e jornais da Capital depois da sessão solene que homenageou o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles (MDB) na Câmara Municipal de Goiânia, na última quinta-feira. Maguito afirmou que existe clima para aproximação entre os dois grupos políticos.

“As conversas (entre MDB e PSDB) têm de acontecer. Não vejo motivo algum para não acontecer. Toda aliança é saudável. O candidato do PSDB é um bom político, vem trabalhando para isso. Eu não vejo mal nenhum na conversa. Tem de conversar. Não vejo motivo para discriminar um ou outro. Isso já aconteceu no passado e pode acontecer agora e no futuro”, afirmou.

O governador José Eliton (PSDB) disse, em recente entrevista, que não fará nenhuma ação em partidos que tenham pré-candidatos ao governo de Goiás, como o MDB, por entender que na política moderna é preciso haver respeito. “Estou conversando com as lideranças de todos os demais partidos e não descarto nenhuma possibilidade”, frisou.

A aproximação entre o MDB e o PSDB é um processo que iniciou há pelo menos 7 anos. O ponto de partida foi bom relacionamento administrativo entre Maguito, que era prefeito de Aparecida de Goiânia, e Marconi, então governador.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247