Prefeitos querem garantias da execução das obras

Prefeitos de cidades que serão contempladas com R$ 130 milhões (montante para todos os 139 municípios do estado) cobraram dos deputados estaduais a garantia para a execução das obras; o chefe do executivo de Centenário, Wesley Camilo (PSDB), disse esperar "que não haja nenhuma alteração na promessa apresentada pelos deputados no decorrer dos trâmites na Casa de Leis, e que de fato os recursos garantam a efetiva execução de obras em nossos Municípios"

Prefeitos de cidades que serão contempladas com R$ 130 milhões (montante para todos os 139 municípios do estado) cobraram dos deputados estaduais a garantia para a execução das obras; o chefe do executivo de Centenário, Wesley Camilo (PSDB), disse esperar "que não haja nenhuma alteração na promessa apresentada pelos deputados no decorrer dos trâmites na Casa de Leis, e que de fato os recursos garantam a efetiva execução de obras em nossos Municípios"
Prefeitos de cidades que serão contempladas com R$ 130 milhões (montante para todos os 139 municípios do estado) cobraram dos deputados estaduais a garantia para a execução das obras; o chefe do executivo de Centenário, Wesley Camilo (PSDB), disse esperar "que não haja nenhuma alteração na promessa apresentada pelos deputados no decorrer dos trâmites na Casa de Leis, e que de fato os recursos garantam a efetiva execução de obras em nossos Municípios" (Foto: Leonardo Lucena)

Tocantins 247 - Prefeitos de cidades que serão contempladas com R$ 130 milhões (montante para todos os 139 municípios do estado) cobraram dos deputados estaduais a garantia para a execução das obras.

O chefe do executivo de Centenário, Wesley Camilo (PSDB), disse esperar "que não haja nenhuma alteração na promessa apresentada pelos deputados no decorrer dos trâmites na Casa de Leis, e que de fato os recursos garantam a efetiva execução de obras em nossos Municípios", acrescentou. As entrevistas foram publicadas no site do Cleber Toledo.

A prefeita de Lizarda, Suelene Lustosa (PSD), a Sussu, avaliou como positiva a garantia dos recursos. "A Associação Tocantinense de Municípios (ATM) promoveu a discussão dessa ideia, que posteriormente foi amadurecida pelos deputados estaduais. Se buscássemos esses pleito sozinhos, no gabinete de cada deputado, talvez o resultado seria outro. Mas como nos unimos junto a ATM, o pleito ficou ainda mais exequível", afirmou.

O prefeito de Augustinópolis, Júlio da Silva Oliveira (PRB), disse que a execução de obras com os recursos do financiamento trará benefícios direto às comunidades locais. "Sabemos que a falta de financiamento em obras de pavimentação asfáltica e recapeamento ocorre em todo o Brasil, e estamos vendo uma nova realidade no Tocantins, graças à atuação da ATM e dos deputados estaduais", complementou.


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247