Prefeitura climatiza salas de 37 escolas e Cmeis

A Prefeitura de Palmas já investiu R$ 1,67 milhão em climatização nas escolas da Capital; segundo a prefeitura, com o recurso, foram adquiridos 577 aparelhos de ar-condicionado, cuja maioria já foi instalado em 37 unidades educacionais; receberam os equipamentos 22 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) e 13 escolas, sendo que 11 delas são de Tempo Integral

A Prefeitura de Palmas já investiu R$ 1,67 milhão em climatização nas escolas da Capital; segundo a prefeitura, com o recurso, foram adquiridos 577 aparelhos de ar-condicionado, cuja maioria já foi instalado em 37 unidades educacionais; receberam os equipamentos 22 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) e 13 escolas, sendo que 11 delas são de Tempo Integral
A Prefeitura de Palmas já investiu R$ 1,67 milhão em climatização nas escolas da Capital; segundo a prefeitura, com o recurso, foram adquiridos 577 aparelhos de ar-condicionado, cuja maioria já foi instalado em 37 unidades educacionais; receberam os equipamentos 22 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) e 13 escolas, sendo que 11 delas são de Tempo Integral (Foto: Aquiles Lins)

Tocantins 247 - Cumprindo o propósito de consolidar a Educação como uma referência para o Brasil, a Prefeitura de Palmas já investiu R$ 1.679.580 em climatização nas escolas da Capital. Com o recurso, a Prefeitura adquiriu 577 aparelhos de ar-condicionado, cuja maioria já foi instalado em 37 unidades educacionais. Receberam os equipamentos 22 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) e 13 escolas, sendo que 11 delas são de Tempo Integral.

Uma das escolas já beneficiadas é a Escola Municipal Luiz Rodrigues Monteiro, localizada em Taquaralto, que foi totalmente reformada e recebeu ar-condicionado em todas as salas. Para os alunos, o novo ambiente escolar, que também recebeu novas cores, piso novo, telhados, ficou muito agradável. “Agora temos até mais ânimo para estudar. Ficamos muito felizes com o ar-condicionado em todas as salas de aulas”, disse a estudante Jhennyfer Sobrinho Araújo, aluna do 3º ano da escola.

Além das salas de aula, que estão recebendo instalação os aparelhos, outros espaços das unidades educacionais também receberão climatização, como cozinhas e refeitórios. “O prefeito Carlos Amastha sempre destacou que ar-condicionado nas escolas não é luxo, mas necessidade. E é uma preocupação da gestão investir na melhoria dos níveis de aprendizado dos nossos alunos e na qualidade da educação”, disse o secretário municipal da Educação, Danilo Melo.

A diretora de Projetos e Obras da Semed, Jes-anny Guimarães, esclarece em relação à chegada do benefício as demais unidades: “Atualmente os engenheiros eletricistas estão providenciando os trabalhos necessários para a implantação do sistema de ar condicionado nas escolas. Esse processo engloba levantamento de carga, elaboração de projeto elétrico, planilha orçamentária, instalação de subestação, entre outros”, explicou Jes-anny acrescentando ainda que a expectativa é que até o final do ano todas as unidades estejam climatizadas.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247