Presidente do PT-BA questiona pesquisa que dá vantagem a ACM

O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, questiona a credibilidade e o histórico de erros das pesquisas feitas pelo Instituto Paraná Pesquisas, que em sondagem divulgada ontem (22) disse que o prefeito ACM Neto seria reeleito com 62% dos votos dos soteropolitanos; "Esse instituto tem um histórico de errar muito. Pesquisa não é o único fator determinante para eleição, senão Rui Costa não seria governador, muito menos Dilma [Rousseff] presidenta", disse Everaldo

O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, questiona a credibilidade e o histórico de erros das pesquisas feitas pelo Instituto Paraná Pesquisas, que em sondagem divulgada ontem (22) disse que o prefeito ACM Neto seria reeleito com 62% dos votos dos soteropolitanos; "Esse instituto tem um histórico de errar muito. Pesquisa não é o único fator determinante para eleição, senão Rui Costa não seria governador, muito menos Dilma [Rousseff] presidenta", disse Everaldo
O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, questiona a credibilidade e o histórico de erros das pesquisas feitas pelo Instituto Paraná Pesquisas, que em sondagem divulgada ontem (22) disse que o prefeito ACM Neto seria reeleito com 62% dos votos dos soteropolitanos; "Esse instituto tem um histórico de errar muito. Pesquisa não é o único fator determinante para eleição, senão Rui Costa não seria governador, muito menos Dilma [Rousseff] presidenta", disse Everaldo (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, questiona a credibilidade e o histórico de erros das pesquisas feitas pelo Instituto Paraná Pesquisas, que em sondagem divulgada ontem (22) disse que o prefeito ACM Neto, do DEM, seria reeleito com 62% dos votos dos soteropolitanos. 

"Esse instituto tem um histórico de errar muito. Pesquisa não é o único fator determinante para eleição, senão Rui Costa não seria governador, muito menos Dilma [Rousseff] presidenta", disse Everaldo em evento em defesa do PT em Salvador, que teve participação do ex-presidente Lula, nesta quinta-feira.

Segundo o líder petista, levantamentos realizados nesse período trazem um "momento pontual", quando deve haver foco em "construir a estabilidade política e econômica", para não "manter esse clima de disputa no país".

Questionado sobre o único nome do PT a aparecer na pesquisa, o senador Walter Pinheiro, preferir não ser indicado à disputa da prefeitura de Salvador, Everaldo Anunciação minimizou falando de outros possíveis pré-candidato.

"Discutir nome antes de discutir estratégias é colocar os carros antes dos bois. Estamos discutindo estratégias, mas voltado para aquilo que deu certo, uma política de alianças debatido em conjunto com a base aliada", desconversou Everaldo em publicação do site Bahia Notícias.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247