CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Presidentes de comissões da Câmara revelam expectativa

Vereadores instalaram nesta terça-feira (19) nove dos dez colegiados permanentes; veja quem são os respectivos presidentes e o que eles esperam do biênio 2013-2014 na Casa do Povo

Presidentes de comissões da Câmara revelam expectativa (Foto: Divulgação)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Bahia 247

Os presidentes de nove das dez comissões permanentes da Câmara Municipal de Salvador, eleitos nesta terça-feira (19) no plenário da Casa, fizeram discurso com suas expectativas para o biênio 2013-2014 à frente dos colegiados.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Kiki Bispo (PTN) – presidente da Comissão de Constituição e Justiça e Redação Final: "Vamos nos balizar numa postura técnica, cumprindo a hierarquia das leis e de forma apartidária. Neste sentido, faremos reuniões semanais, debates e audiências públicas, trazendo para as discussões dos projetos de lei todos os segmentos da sociedade civil organizada. Nossas reuniões serão abertas e com diálogo"

Cláudio Tinoco (DEM) – presidente da Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização: "Faremos um trabalho planejado, conforme as demandas dos instrumentos orçamentários. Teremos pela frente o PPA, a LDO e a LOA, além das análises das contas do Executivo, tanto da gestão passada quanto da atual. Tudo será feito dentro do colegiado e com entendimento técnico. Teremos pela frente o Projeto da Reforma Tributária, que exigirá muito estudo".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Euvaldo Jorge (PP) – presidente da Comissão de Transporte, Trânsito e Serviços Municipais: "Para mim, é uma honra presidir a Comissão de Transporte, Trânsito e Serviços Municipais. A minha ideia é contribuir para melhorar a mobilidade urbana em Salvador, um dos principais problemas da nossa cidade. Vamos propor audiências públicas, fiscalizar o Poder Executivo para que o cidadão possa se deslocar com mais velocidade na cidade".

Edvaldo Brito (PTB) – presidente da Comissão da Reparação: "Nós, dos poderes públicos, temos o costume de usar a Comissão da Reparação como uma vitrine política. Vou desempenhar a função de presidente com muito afinco, exigindo o orçamento respeitável para a pasta e contribuindo com projetos para que, de fato, a reparação aconteça em nosso município".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Sílvio Humberto (PSB) – presidente da Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Lazer: "A expectativa é grande porque a cidade clama por mudanças e a educação é a base de tudo. É fundamental para o desenvolvimento da cidade. Vamos propor debates com a população com o objetivo de garantir uma educação digna e de qualidade em Salvador".

Marcell Moraes (PV) – presidente da Comissão dos Direitos do Cidadão: "Por este colegiado, o qual eu tenho a honra de presidir, passam todos os problemas dos nossos cidadãos e o sofrimento dos soteropolitanos. Uma das bandeiras que pretendo defender é o não pagamento de estacionamento nos shoppings centers da cidade. Vamos trabalhar para que os nossos cidadãos tenham seus direitos preservados".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

J. Carlos Filho (PT) – presidente da Comissão de Saúde, Planejamento Família, Seguridade e Previdência Social: "A expectativa é de muito trabalho pela frente. Entendemos que a situação da saúde é caótica e sabemos que não há como resolver tudo. Vamos elaborar projetos a fim de amenizar todos esses problemas e fiscalizar o Poder Executivo para que proporcione melhores condições para a saúde do nosso município".

Suíca (PT) – presidente da Comissão de Planejamento Urbano e Meio Ambiente: "Presidiremos a Comissão de Planejamento pensando, sempre, em melhorar a cidade, que necessita de estudos em todas as áreas, como limpeza urbana e meio ambiente. Pensamos numa Salvador sustentável e focaremos, também, nas pequenas obras, que ajudarão a resgatar o sentimento positivo de se morar em Salvador".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Tia Eron (PRB) presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher: "Apesar de termos uma diminuição da representação feminina na Casa é possível visivelmente se perceber que crescemos em qualidade e é nisso que se fundamenta o parlamento da bancada feminina. Estaremos unidas em causas como a do combate à violência contra a mulher".

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO