Prévia da inflação oficial chega a 8,49% em 2015

Em 2014, o índice correspondente ao mesmo período - de janeiro a outubro - ficou em 5,23%; o índice deste ano foi o mais elevado acumulado de janeiro a outubro desde 2003, quando alcançou 9,17%; o IPCA-15 ficou 0,27 ponto percentual acima da taxa de setembro (0,39%), o índice mais elevado para um mês de outubro desde 2002

Em 2014, o índice correspondente ao mesmo período - de janeiro a outubro - ficou em 5,23%; o índice deste ano foi o mais elevado acumulado de janeiro a outubro desde 2003, quando alcançou 9,17%; o IPCA-15 ficou 0,27 ponto percentual acima da taxa de setembro (0,39%), o índice mais elevado para um mês de outubro desde 2002
Em 2014, o índice correspondente ao mesmo período - de janeiro a outubro - ficou em 5,23%; o índice deste ano foi o mais elevado acumulado de janeiro a outubro desde 2003, quando alcançou 9,17%; o IPCA-15 ficou 0,27 ponto percentual acima da taxa de setembro (0,39%), o índice mais elevado para um mês de outubro desde 2002 (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Nielmar de Oliveira – Repórter da Agência Brasil

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) chegou a 8,49% no período de janeiro a outubro de 2015, informou hoje (21) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em 2014, o índice correspondente ao mesmo período ficou em 5,23%. O índice deste ano foi o mais elevado acumulado de janeiro a outubro desde 2003, quando alcançou 9,17%.

O IPCA-15 é uma prévia da inflação oficial do país, baseada no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). A coleta de dados do IPCA-15 ocorreu no período de 15 de setembro a 14 do mês de outubro.

O IPCA-15 teve variação de 0,66% em outubro e ficou 0,27 ponto percentual acima da taxa de setembro (0,39%). Esse foi o índice mais elevado para um mês de outubro desde 2002 (0,90%). Quanto aos últimos 12 meses (9,77%), a taxa acumulada ficou não somente acima dos 12 meses imediatamente anteriores (9,57%) como foi a mais elevada desde dezembro de 2003 (9,86%). Em outubro de 2014 o IPCA-15 chegou a 0,48%.

A população pesquisada pelo IPCA-15 abrange as famílias com rendimentos mensais compreendidos entre um e 40 salários-mínimos, qualquer que seja a fonte de rendimentos, e residentes nas áreas urbanas das regiões.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247