Produção industrial ficou estagnada em 2011

De acordo com IBGE, Pernambuco foi o nico a apresentar taxa zero; a Regio Nordeste, analisada de uma maneira geral, registrou resultado negativo: - 4,7%

Produção industrial ficou estagnada em 2011
Produção industrial ficou estagnada em 2011 (Foto: Shutterstock)

Raphael Coutinho_PE247 – A produção industrial no País apresentou crescimento em nove dos 14 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2011, no comparativo com o ano anterior. Entretanto, Pernambuco foi o único estado que permaneceu estagnado, apresentando taxa zero, assim como em 2010. A Região Nordeste, analisada de uma maneira geral, apresentou um resultado negativo, marcando -4,7%. Já a maior alta foi registrada no estado do Paraná, que apresentou expansão de 7%. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (7).

Outros estados em que a produção cresceu acima da média nacional (0,3%) foram o Espírito Santo (6,8%), Goiás (6,2%), o Amazonas (4%), o Pará (2,7%) e o Rio Grande do Sul (2%). Minas Gerais e o Rio de Janeiro, com crescimento de 0,3%, e São Paulo, com aumento de 0,2%, completam a lista dos estados que tiveram taxa positiva em 2011.

Pernambuco não teve crescimento em 2011, assim como em 2010, já que apresentou taxa zero. Já os estados que tiveram queda foram a Bahia (-4,4%), Santa Catarina (-5,1%) e o Ceará (-11,7%).

Na comparação de dezembro de 2011, ante novembro, oito estados tiveram crescimento e seis, queda. Já na comparação com dezembro de 2010, sete estados apresentaram alta e sete, redução na produção.

Com informações da Agência Brasil.

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247