PT troca pré-candidato e diz que não larga 3ª Via

“Nós somos um partido de luta. Estamos aqui para reiterar essa posição do partido. Não somos obrigados  a mudar opinião se temos certeza de estar no caminho certo. Podem até nos levar, mas vão ter que levar pelo beiço não vai ser assim pela canetada”, disse o presidente do partido no Tocantins, Julio Cesar Brasil; apesar da defesa veemente de uma candidatura própria, o até então pré-candidato a governador do partido, o ex-secretário de Saúde de Palmas Nicolau Esteves, renunciou à disputa; ele foi prontamente substituído pelo ex-prefeito de Porto Nacional e coordenador do plano de governo da Terceira Via, Paulo Mourão

“Nós somos um partido de luta. Estamos aqui para reiterar essa posição do partido. Não somos obrigados  a mudar opinião se temos certeza de estar no caminho certo. Podem até nos levar, mas vão ter que levar pelo beiço não vai ser assim pela canetada”, disse o presidente do partido no Tocantins, Julio Cesar Brasil; apesar da defesa veemente de uma candidatura própria, o até então pré-candidato a governador do partido, o ex-secretário de Saúde de Palmas Nicolau Esteves, renunciou à disputa; ele foi prontamente substituído pelo ex-prefeito de Porto Nacional e coordenador do plano de governo da Terceira Via, Paulo Mourão
“Nós somos um partido de luta. Estamos aqui para reiterar essa posição do partido. Não somos obrigados  a mudar opinião se temos certeza de estar no caminho certo. Podem até nos levar, mas vão ter que levar pelo beiço não vai ser assim pela canetada”, disse o presidente do partido no Tocantins, Julio Cesar Brasil; apesar da defesa veemente de uma candidatura própria, o até então pré-candidato a governador do partido, o ex-secretário de Saúde de Palmas Nicolau Esteves, renunciou à disputa; ele foi prontamente substituído pelo ex-prefeito de Porto Nacional e coordenador do plano de governo da Terceira Via, Paulo Mourão (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Tocantins 247 – Após as notícias de que seu futuro nas próximas eleições estava sendo decidido em Brasília, com articulações para apoiar candidaturas do PMDB e do Pros, o PT no Tocantins estufou o peito e cantou de galo nessa quinta-feira, 13, durante a reunião dos partidos que formam chamada Terceira Via.

O presidente estadual do PT, Julio Cesar Brasil, reiterou a disposição do partido em permanecer aliado do PP, PCdoB e PSL e deixou claro que a executiva estadual não tem interesse em se aliar com os partidos que já estiveram no governo.

“Nós somos um partido de luta. Estamos aqui para reiterar essa posição do partido. Não somos obrigados  a mudar opinião se temos certeza de estar no caminho certo. Podem até nos levar, mas vão ter que levar pelo beiço não vai ser assim pela canetada”, disse Brasil, em matéria do Conexão Tocantins (leia aqui).

Apesar da defesa veemente de uma candidatura própria, o até então pré-candidato a governador do partido, o ex-secretário de Saúde de Palmas Nicolau Esteves, renunciou à disputa. Ele foi prontamente substituído pelo ex-prefeito de Porto Nacional e coordenador do plano de governo da Terceira Via, Paulo Mourão.

“Escolhemos por unanimidade”, disse Julio Cesar. Nos bastidores, entretanto, o desejo é que Mourão dispute, como em 2010, uma vaga ao Senado. 

Leia também: PT vê partidos minarem sua candidatura própria

PT não quer saber de aliança com PMDB

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email