Recife registra maior IDHM de todo o Nordeste

O Recife é a capital do Nordeste que registra o maior Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM), conforme dados do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD); município, que possui cerca de 1,5 milhão de habitantes, apresenta um IDHM de 0,772, segundo os dados atualizados do Atlas do Desenvolvimento Humano; apesar do bom indicador, quando se trata de regiões metropolitanas, porém, o Grande Recife fica atrás das regiões metropolitanas de Salvador (BA) e São Luís (MA). Em nível nacional, a Região Metropolitana do Recife ocupa a 15ª posição

O Recife é a capital do Nordeste que registra o maior Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM), conforme dados do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD); município, que possui cerca de 1,5 milhão de habitantes, apresenta um IDHM de 0,772, segundo os dados atualizados do Atlas do Desenvolvimento Humano; apesar do bom indicador, quando se trata de regiões metropolitanas, porém, o Grande Recife fica atrás das regiões metropolitanas de Salvador (BA) e São Luís (MA). Em nível nacional, a Região Metropolitana do Recife ocupa a 15ª posição
O Recife é a capital do Nordeste que registra o maior Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM), conforme dados do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD); município, que possui cerca de 1,5 milhão de habitantes, apresenta um IDHM de 0,772, segundo os dados atualizados do Atlas do Desenvolvimento Humano; apesar do bom indicador, quando se trata de regiões metropolitanas, porém, o Grande Recife fica atrás das regiões metropolitanas de Salvador (BA) e São Luís (MA). Em nível nacional, a Região Metropolitana do Recife ocupa a 15ª posição (Foto: Paulo Emílio)

Pernambuco 247 - O Recife é a capital do Nordeste que registra o maior Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM), conforme dados do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). O município, que possui cerca de 1,5 milhão de habitantes, apresenta um IDHM de 0,772, segundo os dados atualizados do Atlas do Desenvolvimento Humano.

Apesar do bom indicador, quando se trata de regiões metropolitanas, porém, o Grande Recife fica atrás das regiões metropolitanas de Salvador (BA) e São Luís (MA). Em nível nacional, a Região Metropolitana do Recife ocupa a 15ª posição.

As melhorias no IDHM do Recife já aparecem nos levantamentos anteriores do Atlas do Desenvolvimento Humano feitos em 1991 e 2000, quando os indicadores eram 0,576 e 0,660, respectivamente. Segundo o levantamento, a expectativa de vida na capital pernambucana é de 0,825, enquanto a de rendaé de 0,798 e educação chega a 0,698.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247