Record quer R$ 30 milhões de Datena por rompimento

Emissora do bispo Macedo quer aplicar, de uma s vez, sem margem a parcelamentos, a multa contratual sobre o apresentador; em fevereiro, Justia permitiu execuo da cobrana; caso remonta a 2003, quando apresentador saiu pela primeira da rede; ele alega que foi levado a sair

Record quer R$ 30 milhões de Datena por rompimento
Record quer R$ 30 milhões de Datena por rompimento (Foto: DIVULGAÇÃO)

247 – Após algumas tentativas na Justiça, a Record cobra de uma vez por todas a quantia de R$ 30 milhões do jornalista José Luiz Datena por quebra de contrato com a emissora em 2003. A aplicação da multa, noticiada hoje pela coluna de Flávia Ricco, do UOL, chegou a receber recursos para ser barrada na Justiça, mas foi liberada em fevereiro. À época do cancelamento de recurso, que pedia o banimento da punição, o advogado da emissora, Henrique Benedito, garantiu que continuaria com o processo. Segundo o advogado de Datena, Diogo Bastos, ainda resta apurar, porém, se o apresentador deixou a emissora porque quis ou se o levaram a isso, em 2003, segundo a coluna.

A relação entre o jornalista e a emissora do bispo Edir Macedo não é tensa apenas pelo processo de 2003. No ano passado, o jornalista, que apresentava na Band o programa Brasil Urgente, retornou à Record com um trato de que seria abonada a multa rescisória. Foi Datena, porém, que quebou o acordo, que era permanecer na empresa por no mínimo quatro anos. Sua saída ocorreu em apenas 43 dias, quando voltou para a Band, e marcada por brigas com diversos funcionários. Segundo a advogado de Datena, o desligamento foi ocasionado por falta de comprometimento da emissora com o termo adotado na época, como a censura em seu programa.

O cenário na televisão brasileira é de crise. Enquanto a Globo registra sua pior audiência da história, a Rede TV! demite uma leva de funcionários – perdeu recentemente todo o elenco do programa Pânico para a Bandeirantes – e a Record foi alvo de rumor de que acabaria com o seu canal fechado de notícias, a Record News, e o seu portal na internet, o R7. A informação foi desmentida pela emissora, que alegou registrar crescimento nos últimos anos.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247