Rui: "A Bahia não se deixará asfixiar pela crise"

"A Bahia não ficará de joelhos e não se deixará asfixiar pela crise. Nós continuaremos de pé e sendo admirados no país inteiro", disse nesta quarta-feira o governador Rui Costa, em discurso na cerimônia de formalização de parceria com 126 municípios baianos para recuperação de 3 mil quilômetros de rodovias; Rui propôs uma reunião com todos os governadores do País para discutir uma solução contra a crise; "Quem ama o Brasil, quem de fato está na política por amor às pessoas, não pode ter apego ao cargo. Se a eleição for antecipada, eu topo abreviar o meu mandato porque acima dos meus interesses políticos estão os interesses do povo baiano e brasileiro"

"A Bahia não ficará de joelhos e não se deixará asfixiar pela crise. Nós continuaremos de pé e sendo admirados no país inteiro", disse nesta quarta-feira o governador Rui Costa, em discurso na cerimônia de formalização de parceria com 126 municípios baianos para recuperação de 3 mil quilômetros de rodovias; Rui propôs uma reunião com todos os governadores do País para discutir uma solução contra a crise; "Quem ama o Brasil, quem de fato está na política por amor às pessoas, não pode ter apego ao cargo. Se a eleição for antecipada, eu topo abreviar o meu mandato porque acima dos meus interesses políticos estão os interesses do povo baiano e brasileiro"
"A Bahia não ficará de joelhos e não se deixará asfixiar pela crise. Nós continuaremos de pé e sendo admirados no país inteiro", disse nesta quarta-feira o governador Rui Costa, em discurso na cerimônia de formalização de parceria com 126 municípios baianos para recuperação de 3 mil quilômetros de rodovias; Rui propôs uma reunião com todos os governadores do País para discutir uma solução contra a crise; "Quem ama o Brasil, quem de fato está na política por amor às pessoas, não pode ter apego ao cargo. Se a eleição for antecipada, eu topo abreviar o meu mandato porque acima dos meus interesses políticos estão os interesses do povo baiano e brasileiro" (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - "A Bahia não ficará de joelhos e não se deixará asfixiar pela crise. Nós continuaremos de pé e sendo admirados no país inteiro", disse nesta quarta-feira (24) o governador Rui Costa, em discurso na cerimônia de formalização de parceria com 126 municípios baianos para recuperação de 3 mil quilômetros de rodovias.

"Muitos se perguntam como é que eu estou conseguindo fazer tanto com tão pouco e tão rápido. Não há segredo, apenas muito trabalho. Juntos nós vamos superar as dificuldades e haveremos de orgulhar muito o povo da Bahia", disse Rui.

Ele propôs uma reunião com todos os governadores do País para discutir uma solução destinada a tirar o Brasil da crise. "Quem ama o Brasil, quem de fato está na política por amor às pessoas, não pode ter apego ao cargo. Se a eleição for antecipada, eu topo abreviar o meu mandato porque acima dos meus interesses políticos estão os interesses do povo baiano e brasileiro".

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247