São Paulo goleia Ceará e vira vice-líder do Brasileirão

Time paulista se reabilita da derrota para o Grmio e aplica 4 a 0 em partida no Morumbi

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O São Paulo se reabilitou da derrota para o Grêmio, na rodada passada, com uma goleada neste sábado. Jogando no Morumbi, o time da casa aplicou 4 a 0 no Ceará, que estreou o técnico Estevam Soares, e alcançou a provisória vice-liderança do Campeonato Brasileiro.

O resultado deixou o São Paulo com 44 pontos, apenas um a menos que o Vasco, novo líder da tabela. O time carioca bateu o Grêmio também por 4 a 0 e superou por dois pontos o Corinthians, que só jogará no domingo. O Ceará, por sua vez, estacionou nos 27, em 15º, mais perto da zona de rebaixamento.

Juan, Piris, Casemiro e Rivaldo foram os autores dos gols da partida, marcada pelo forte domínio dos anfitriões, principalmente no segundo tempo. O Ceará chegou a ameaçar na etapa inicial, mas não soube aproveitar suas oportunidades e levou dois gols em dois minutos no final do primeiro tempo.

Depois da vitória tranquila, o São Paulo se prepara para o clássico com o Corinthians, quarta-feira, no Morumbi. Antes do duelo, o time do técnico Tite tentará manter a liderança no jogo contra o Santos, neste domingo, no Pacaembu. Já o Ceará buscará a reabilitação diante do Palmeiras na quinta.

O JOGO - São Paulo e Ceará fizeram um primeiro tempo movimentado e de boas chances para os dois times. O time visitante chegou a levar vantagem na metade inicial, mas sucumbiu aos erros nas finalizações e vacilou na defesa nos minutos finais da etapa.

O anfitrião criou a primeira oportunidade de gol logo no primeiro minuto. Em uma rápida investida, Henrique completou cruzamento da direita e acertou a trave, após desvio do goleiro Fernando Henrique.

Passado o susto, o Ceará mostrou personalidade e foi para cima dos donos da casa. Mais objetivo, gerou os melhores lances de gol até os 30 minutos. Na chance mais clara, Washington cabeceou no canto, após cruzamento de Vicente, e exigiu boa defesa de Rogério Ceni.

O São Paulo só voltou a ameaçar o gol dos visitantes a partir dos 30 minutos. Em jogada individual, Lucas bateu forte da esquerda e quase marcou, aos 37. Fernando Henrique fez grande defesa.

Mas não conseguiu evitar o gol de cabeça do baixinho Juan aos 42. O lateral surgiu no meio da defesa cearense, após cruzamento de Carlinhos Paraíba da esquerda, e abriu o placar. Embalado, o São Paulo marcou o segundo logo em seguida. Depois de outra boa jogada pela esquerda, Piris se adiantou e completou cruzamento, praticamente sem marcação, aos 44.

Mais solto pela vantagem conquistada, o São Paulo começou melhor no segundo tempo e não teve dificuldade para se impor diante do Ceará. Aos 21 minutos, Casemiro ampliou o placar com um belo gol de fora da área.

A situação ficou ainda mais tranquila com o gol de Rivaldo cinco minutos depois. Sem marcação dentro da área, o veterano acertou bela finalização de primeira na marca do pênalti e anotou o quarto dos anfitriões.

O gol abalou ainda mais o moral do Ceará, que não esboçou reação. Sob os gritos de olé da torcida, o São Paulo trocou passes com calma e administrou o resultado até o apito final.

Ficha Técnica:

São Paulo x Ceará

São Paulo - Rogério Ceni; Piris, João Filipe, Rhodolfo e Juan; Wellington, Casemiro (Rodrigo Caio), Carlinhos e Cícero; Lucas (Marlos) e Henrique (Rivaldo). Técnico: Adilson Batista.

Ceará - Fernando Henrique; João Marcos, Thiago Matias, Fabrício e Vicente; Heleno (Boiadeiro), Michel, Rudnei (Egídio) e Thiago Humberto (Felipe Azevedo); Osvaldo e Washington. Técnico: Estevam Soares.

Gols - Juan, aos 42, e Piris, aos 44 minutos do primeiro tempo. Casemiro, aos 21, Rivaldo, aos 26 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos - Heleno, Osvaldo, Michel, Thiago Matias, Felipe Azevedo (Ceará).

Árbitro - Pablo dos Santos Alves (ES).

Renda - R$ 514.150,00.

Público - 22.581 pagantes (23.681 no total).

Local - Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP).

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247