Sites e apps deixam conta do restaurante 30% mais barata

Não é cupom, não é compra coletiva. Basta fazer a reserva online antes de sair de casa

Sites e apps deixam conta do restaurante 30% mais barata
Sites e apps deixam conta do restaurante 30% mais barata (Foto: Shutterstock)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Luciane Macedo _247 - Almoçar no restaurante italiano predileto com a família no fim de semana, ir a uma hamburgueria estrelada com os amigos na noite de sexta, levar a namorada para conhecer um novo bistrô francês. Seja qual for a pedida ou ocasião, comer fora é um dos lazeres prediletos do brasileiro, mas também um dos que mais pesa no bolso e sobe acima da inflação.

Só no mês de julho, enquanto a inflação pelo IPC-M (da Fundação Getúlio Vargas) foi de 0,25%, a alimentação fora de casa subiu 0,73%. No acumulado do ano até o sétimo mês, comer fora ficou 4,14% mais caro, já a inflação registrada foi de 3,22%.

Mas não é preciso abrir mão deste lazer. Além de programá-lo na medida certa do seu orçamento, vale a pena buscar descontos. Já existem sites e aplicativos que deixam a conta do restaurante 30% mais barata. Não é cupom, não é compra coletiva. Tudo o que você precisa fazer é escolher o restaurante e reservar sua mesa pela internet ou pelo smartphone antes de sair de casa.

No Grubster, o desconto de 30% na conta vale para todos os restaurantes cadastrados -- a menos que a pessoa escolha um menu promocional já em vigor, mas o site avisa quando é o caso. Não é preciso imprimir nada e nem ligar avisando antes. Basta dizer que tem uma reserva ao chegar ao restaurante e, na hora de pagar a conta, o desconto de 30% será aplicado.

Desde setembro de 2011, quando foi lançado, o Grubster já oferece em torno de 250 opções em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Até o final do ano, quem mora em Curitiba e Belo Horizonte também poderá usar o serviço para comer fora gastando menos.

O custo da reserva pelo Grubster é de R$ 10,00. Mas quem frequenta restaurantes mais do que uma vez ou outra pode comprar pacotes de créditos e gastar menos também na reserva. No pacote "chef", a reserva sai pela metade do preço (R$ 5,00) e dá direito a 20 restaurantes. Se cabe no seu orçamento sair para comer fora uma vez por semana, é o pacote mais econômico. Nas demais opções disponíveis, o preço da reserva cai para R$ 8,00 e R$ 7,00. É preciso usar os créditos dentro de seis meses a partir da data da compra para não perdê-los.

O único (e pequeno) inconveniente do Grubster é a busca no topo do site, que dá a entender que não é possível fazer reserva para apenas uma pessoa. Mas, ao clicar nos restaurantes, quem não tem o menor problema em sair sozinho vai encontrar a opção "reserva para um".

Uma maneira de contornar a falta de "mesa para 1 pessoa" no mecanismo de busca é selecionar a opção que aparece vazia. Do mesmo modo, dá para reservar mesa até para dez pessoas ou mais. Depois, basta escolher a data e se a reserva é para almoço ou jantar -- também dá para selecionar um horário. Aí, sim, vale refinar a busca por bairro, tipo de cozinha, faixa de preço ou uma combinação de critérios, fazendo as seleções no menu à esquerda.

Esta busca no topo do site pode ser melhor que ir direto às opções de refino, que podem parecer poucas porque elas já refletem o que está disponível naquele momento. É possível fazer reservas pouco antes de sair de casa, com no mínimo meia hora de antecedência. Mas ao usar o mecanismo de busca para fazer uma reserva com mais folga, aparecem muitos restaurantes mais: vai depender do dia e horário desejados, é tudo em tempo real.

Quem quiser saber se seu restaurante favorito já está no Grubster também pode fazer uma busca por nome -- e usar o formulário de contato para sugerir sua inclusão, se for o caso. Um bônus: o Grubster está dando R$ 10,00 em créditos para quem indicar amigos. Assim que eles efetuarem a primeira reserva, o bônus será creditado na conta de quem convidou.

Lançado em 2010, o Restorando tem uma área de cobertura mais ampla: Belo Horizonte, Curitiba e Porto Alegre, além de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. O desconto de 30% na conta não vale para todos os restaurantes cadastrados, mas só para aqueles disponíveis no "Restorando Club". Neste caso, a reserva custa R$ 10,00. Para todos os outros restaurantes, como não há o desconto na conta, a reserva sai de graça, o que não deixa de ser bom para evitar filas em horários de pico.

Há uma segunda forma de economizar com o Restorando: um programa de pontos, que vale "cheques restorando". Basta avaliar os restaurantes frequentados com reservas feitas através do site para acumular pontos e trocá-los por "cheques" nos valores de R$ 20,00, R$ 45,00 e R$ 120,00. Os valores podem ser gastos nos restaurantes que aceitam os "cheques restorando".

Além de ser um incentivo ao uso do serviço, as avaliações também podem ajudar os usuários a fazerem suas escolhas. Elas estão disponíveis à leitura e funcionam como uma espécie de "selo de qualidade" baseado nas opiniões de quem já foi aos restaurantes.

Restorando e Grubster têm aplicativos para iPhone. Acesse os sites e os apps abaixo.

Economize tempo e dinheiro
Além do desconto, reserva online antecipada evita "disputa de mesas"

Grubster

Custo da reserva: de R$ 5,00 a R$ 10,00
Vantagem: 30% de desconto na conta em todos os restaurantes
Área de cobertura: São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília
Site: www.grubster.com.br
Aplicativo: iPhone

Restorando

Custo da reserva: R$ 10,00 (com desconto de 30% na conta) ou gratuita (sem o desconto)
Vantagens: 30% de desconto na conta (nos restaurantes, dias e horários selecionados) e programa de pontos
Área de cobertura: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba e Porto Alegre
Site: www.restorando.com.br
Aplicativo: iPhone

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email