Skaf diz que Lula ministro é “golpe contra nação”

Confirmação da ida do ex-presidente Lula para a Casa Civil foi criticada pelo presidente da Federação as Indústrias de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf; "A ida de Lula para o ministério da Casa Civil é um golpe contra a nação brasileira", afirmou; além de Lula, também podem reforçar o time o jornalista Franklin Martins para a Comunicação Social e Celso Amorim para Relações Exteriores  

Confirmação da ida do ex-presidente Lula para a Casa Civil foi criticada pelo presidente da Federação as Indústrias de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf; "A ida de Lula para o ministério da Casa Civil é um golpe contra a nação brasileira", afirmou; além de Lula, também podem reforçar o time o jornalista Franklin Martins para a Comunicação Social e Celso Amorim para Relações Exteriores
 
Confirmação da ida do ex-presidente Lula para a Casa Civil foi criticada pelo presidente da Federação as Indústrias de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf; "A ida de Lula para o ministério da Casa Civil é um golpe contra a nação brasileira", afirmou; além de Lula, também podem reforçar o time o jornalista Franklin Martins para a Comunicação Social e Celso Amorim para Relações Exteriores   (Foto: Aquiles Lins)

SP 247 - A confirmação da ida do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para a Casa Civil foi criticada pelo presidente da Federação as Indústrias de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf.

“A ida de Lula para o ministério da Casa Civil é um golpe contra a nação brasileira”, afirma Paulo Skaf, que patrocina movimentos pelo impeachment da presidente Dilma. 

Além do ex-presidente, também podem reforçar o time o jornalista Franklin Martins para a Comunicação Social,e Celso Amorim para Relações Exteriores.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247