STF prorroga prazo para concluir investigação contra Kátia Abreu

O ministro do STF Gilmar Mendes prorrogou por 60 dias o prazo para investigação contra a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO); Kátia Abreu foi acusada por delatores da Odebrecht de receber dinheiro através de caixa dois para fazer campanha nas eleições de 2014

O ministro do STF Gilmar Mendes prorrogou por 60 dias o prazo para investigação contra a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO); Kátia Abreu foi acusada por delatores da Odebrecht de receber dinheiro através de caixa dois para fazer campanha nas eleições de 2014
O ministro do STF Gilmar Mendes prorrogou por 60 dias o prazo para investigação contra a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO); Kátia Abreu foi acusada por delatores da Odebrecht de receber dinheiro através de caixa dois para fazer campanha nas eleições de 2014 (Foto: Leonardo Lucena)

Tocantins 247 - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes prorrogou por 60 dias o prazo para investigação contra a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO), de acordo com informação da Coluna Expresso.

Ainda não foram concluídas, como depoimentos de pessoas citadas, a prestação de contas da campanha da senadora, e levantamento dos interesses da construtora investigada no Tocantins.

Kátia Abreu foi acusada por delatores da Odebrecht de receber R$ 500 mil através de caixa dois para fazer campanha nas eleições de 2014.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247