STJ nega habeas corpus a Pedro Correa

Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou pedido de liberdade por meio de habeas corpus ao ex-deputado federal Pedro Corrêa (PP-PE); segundo o STJ, em seu voto, o ministro-relator Ribeiro Dantas alegou que a liberdade do deputado oferece risco às investigações da Polícia Federal; Corrêa está preso preventivamente desde abril em função das investigações da Operação Lava Jato

Pedro Corrêa
Pedro Corrêa (Foto: Paulo Emílio)

Michèlle Canes, repórter da Agência Brasil - O ex-deputado federal Pedro Corrêa (PP-PE) teve pedido de liberdade negado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). A informação foi divulgada no site do tribunal. Em decisão tomada ontem (26), a Quinta Turma do tribunal acompanhou o voto do relator do processo da Lava Jato na turma, ministro Ribeiro Dantas, e negou o recurso apresentado por Corrêa para o pedido de habeas corpus HC. Segundo o STJ, em seu voto, o ministro-relator alegou que a liberdade do deputado oferece risco às investigações da Polícia Federal.

Corrêa está preso preventivamente desde abril em função das investigações da Operação Lava Jato. Em outubro deste ano, Pedro Corrêa foi condenado pelo juiz federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba, a 20 anos e sete meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro pelos crimes investigados.

Na última segunda-feira (23), o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que o ex-deputado federal passasse a cumprir, em regime fechado, a condenação na Ação Penal 470, o processo do mensalão. Nesse processo, Corrêa cumpri pena de sete anos e dois meses em regime semiaberto.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247