Taxa de homicídios cai 9,6% no Piauí

A taxa de homicídios do primeiro ano (2015) da atual gestão do governador Wellington Dias caiu 9,6% em relação ao ano anterior; foram registrados 20,3 homicídios por cada 100 mil habitantes em 2015, contra 22,4 em 2014; os dados são do Ipea e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública; de acordo com a publicação, o Piauí foi o estado, em 2015, com terceira menor taxa de homicídio entre as 27 unidades da Federação, ficando atrás de São Paulo (12,2) e Santa Catarina (14); no Nordeste, a taxa de homicídios no Piauí chega a ser praticamente a metade da média dos demais estados, que é em torno de 40 homicídios por cada 100 mil habitantes

homicídio
homicídio (Foto: Leonardo Lucena)

Por Robert Pedrosa

A taxa de homicídios do primeiro ano (2015) da atual gestão do governador Wellington Dias caiu 9,6% em relação ao ano anterior. Foram registrados 20,3 homicídios por cada 100 mil habitantes em 2015, contra 22,4 em 2014. Os dados são do Instituto de Pesquisa Econômica Ampliada (Ipea) e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, divulgados nesta segunda-feira, dia 05 de junho (veja aqui).

De acordo com a publicação, o Piauí foi o estado, em 2015, com terceira menor taxa de homicídio entre as 27 unidades da Federação, ficando atrás de São Paulo (12,2) e Santa Catarina (14). No Nordeste, a taxa de homicídios no Piauí chega a ser praticamente a metade da média dos demais estados, que é em torno de 40 homicídios por cada 100 mil habitantes.

Segundo o secretário de Segurança, Fábio Abreu, esses dados reforçam o trabalho de combate à violência que vem sendo desenvolvido no Estado. “Essa pesquisa corrobora com números, inclusive, que nós mesmos já divulgamos sobre essa redução. E isso mostra duas coisas, a primeira é que a nossa coleta de informações é muito verdadeira e fidedigna ao que nós falamos. O segundo ponto é que isso mostra que reduzimos 9,6%, em relação a 2014, o número de homicídios enquanto nos outros estados houve um aumento do número desse índice, e o Piauí além de estancar esse percentual ainda conseguiu reduzir. Em 2013 e 2014 houve um crescimento vertiginoso, mas em 2015 conseguimos baixar esses números”,disse.

A pesquisa revela ainda que, no primeiro ano do atual Governo, houve redução de 15,4% na taxa de homicídios na população de 15 a 29 anos. Foram 392 mortes em 2014 contra 328 em 2015.

O Atlas revela, porém, que a taxa de homicídios no Piauí aumentou 54% entre 2010 e 2015. No primeiro ano, o Estado registrou 14 homicídios por 100 mil habitantes, e veio crescendo ano a ano, atingindo no último ano, 20,3. O ano mais violento do período foi 2014, com 22,4 mortes por 100 mil habitantes

Fábio Abreu enfatiza ainda o empenho do governador Wellington Dias para a redução não só de homicídios, mas da violência no Piauí. “A redução se deu em função do apoio do governador Wellington Dias e de algumas ações como o decreto de emergência, logo no início da gestão, solicitação do apoio da guarda nacional e isso fez com que esses dados reduzissem. E hoje nós estamos mantendo essa tendência de queda”, finaliza.

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247