CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Trabalho 'faz de conta' que não vê falhas no Itaquerão

Chefe dos auditores do Ministério do Trabalho do Estado de São Paulo, Luiz Antonio Medeiros diz que, se não fosse a Copa, estádio teria sido paralisado: "Isso é trabalho precário. Não vamos nem entrar neste assunto porque vai atrasar ainda mais a obra. Falei com o ministro e ele deu respaldo. Estamos fazendo de conta que não estamos vendo", afirma em referência ao titular da pasta, Manoel Dias

Imagem Thumbnail
Chefe dos auditores do Ministério do Trabalho do Estado de São Paulo, Luiz Antonio Medeiros diz que, se não fosse a Copa, estádio teria sido paralisado: "Isso é trabalho precário. Não vamos nem entrar neste assunto porque vai atrasar ainda mais a obra. Falei com o ministro e ele deu respaldo. Estamos fazendo de conta que não estamos vendo", afirma em referência ao titular da pasta, Manoel Dias (Foto: Roberta Namour)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – A poucos meses da Copa do Mundo, o chefe dos auditores do Ministério do Trabalho do Estado de São Paulo, Luiz Antonio Medeiros reconhece que "faz de conta que não vê" irregularidades na construção do Itaquerão.

"Se esse estádio não fosse da Copa [do Mundo], os auditores teriam feito um auto de infração por trabalho precário e paralisado a obra. Estamos fazendo de conta que não vemos algumas coisas irregulares", disse ele ontem.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

No último sábado, o funcionário da WDS Construções, contratada pela Fast Engenharia para atuar na Arena Corinthians, Fábio Hamilton da Cruz morreu após sofrer uma queda de uma altura de oito metros, enquanto trabalhava nas arquibancadas provisórias. Parentes e amigos do operário afirmaram que ele trabalhava sem as condições ideais de segurança, o que motivou as empresas a se manifestarem nesta terça-feira.

Por meio de nota oficial, a Fast Engenharia e a WDS Construções contestaram as acusações. "A segurança dos funcionários sempre foi a principal preocupação em todos os trabalhos que realizamos", diz o comunicado assinado pelas empresas.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

No ano passado, dois outros operários morreram nas obras, após queda de um guindaste. 

"Isso é trabalho precário. Não vamos nem entrar neste assunto porque vai atrasar ainda mais a obra. Falei com o ministro e ele deu respaldo. Estamos fazendo de conta que não estamos vendo", completou. O titular da pasta do trabalho é Manoel Dias. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O Itaquerão é previsto para a abertura do Mundial, mas deve ser entregue incompleto no dia 15 de abril para os primeiros testes.

Leia aqui a matéria de Alex Sabino sobre o assunto.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO