Valmir Assunção comemora reeleição de Everaldo para presidência do PT-BA

O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, foi reeleito neste final de semana para continuar no comando do partido por mais dois anos; no processo de escolha feito por 310 delegados eleitos, Everaldo teve 167 votos, contra 143 do deputado federal Waldenor Pereira; um dos líderes do grupo Optei, que apoiou Everaldo, o deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) diz que a recondução do presidente "propicia uma abertura para superar as divergências para o PT sair unido desse processo"; Valmir afirma que a vitória de Everaldo aconteceu após a unificação das correntes EPS, CNB e Trabalho

O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, foi reeleito neste final de semana para continuar no comando do partido por mais dois anos; no processo de escolha feito por 310 delegados eleitos, Everaldo teve 167 votos, contra 143 do deputado federal Waldenor Pereira; um dos líderes do grupo Optei, que apoiou Everaldo, o deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) diz que a recondução do presidente "propicia uma abertura para superar as divergências para o PT sair unido desse processo"; Valmir afirma que a vitória de Everaldo aconteceu após a unificação das correntes EPS, CNB e Trabalho
O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, foi reeleito neste final de semana para continuar no comando do partido por mais dois anos; no processo de escolha feito por 310 delegados eleitos, Everaldo teve 167 votos, contra 143 do deputado federal Waldenor Pereira; um dos líderes do grupo Optei, que apoiou Everaldo, o deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) diz que a recondução do presidente "propicia uma abertura para superar as divergências para o PT sair unido desse processo"; Valmir afirma que a vitória de Everaldo aconteceu após a unificação das correntes EPS, CNB e Trabalho (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - O presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação, foi reeleito neste final de semana para continuar no comando do partido por mais dois anos. No processo de escolha feito por 310 delegados eleitos, Everaldo teve 167 votos, contra 143 do deputado federal Waldenor Pereira.

Um dos líderes do grupo Optei, que apoiou Everaldo, o deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) diz que a recondução do presidente "propicia uma abertura para superar as divergências para o PT sair unido desse processo". Valmir afirma que a vitória de Everaldo aconteceu após a unificação das correntes EPS, CNB e Trabalho.

"O PT nasceu para transformar o sistema político. A legenda amplia, nas esferas públicas, as opiniões políticas dos politicamente excluídos, dos economicamente explorados e dos culturalmente dominados. Então, temos de voltar a ouvir os movimentos sociais, sindicais e populares e desencarnar do governo federal, precisamos aceitar que mandato parlamentar não é governo. Fomos depostos por uma elite dominante que usa práticas tradicionais do mandonismo político do poder do capital. Vamos cobrar união do PT para que possamos derrubar o governo ilegítimo de Michel Temer, realizarmos uma eleição direta e elegermos Lula presidente deste país", diz o deputado.

Para o presidente estadual reeleito Everaldo Anunciação, a conjuntura agora é para eleger o presidente nacional na etapa do Congresso do partido em junho, além de traçar estratégias para o próximo período do ano.

"Vivemos um tempo de caos na política nacional e esse é mais um momento para fortalecer o partido e todos os setores envolvidos. O importante desse processo interno é a construção dessa política com os movimentos sociais, como o MST, CUT, Fetraf, UNE, negros, mulheres, jovens, indígenas e quilombolas. Todos unidos para derrubar esse governo golpista e restabelecer a ordem no país com Lula presidente".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247