Vereador quer Frente Parlamentar contra privatização da Deso

O vereador Iran Barbosa (PT) propôs a criação da Frente Parlamentar Contra a Privatização da Deso, na Câmara Municipal de Aracaju; iniciativa foi formalizada através do Projeto de Resolução nº 5/2017; a Frente terá caráter suprapartidário e buscará reunir parlamentares que queiram se somar à luta em defesa da Deso como empresa pública e dos princípios definidos na Lei Orgânica para a Política Municipal de Saneamento

O vereador Iran Barbosa (PT) propôs a criação da Frente Parlamentar Contra a Privatização da Deso, na Câmara Municipal de Aracaju; iniciativa foi formalizada através do Projeto de Resolução nº 5/2017; a Frente terá caráter suprapartidário e buscará reunir parlamentares que queiram se somar à luta em defesa da Deso como empresa pública e dos princípios definidos na Lei Orgânica para a Política Municipal de Saneamento
O vereador Iran Barbosa (PT) propôs a criação da Frente Parlamentar Contra a Privatização da Deso, na Câmara Municipal de Aracaju; iniciativa foi formalizada através do Projeto de Resolução nº 5/2017; a Frente terá caráter suprapartidário e buscará reunir parlamentares que queiram se somar à luta em defesa da Deso como empresa pública e dos princípios definidos na Lei Orgânica para a Política Municipal de Saneamento (Foto: José Barbacena)

Sergipe 247 - O vereador Iran Barbosa (PT) propôs, na quarta-feira, 22, a criação da Frente Parlamentar Contra a Privatização da Deso, na Câmara Municipal de Aracaju. A iniciativa foi formalizada através do Projeto de Resolução nº 5/2017. A Frente terá caráter suprapartidário e buscará reunir parlamentares que queiram se somar à luta em defesa da Deso como empresa pública e dos princípios definidos na Lei Orgânica para a Política Municipal de Saneamento.

“A proposta de criação dessa Frente Parlamentar Contra a Privatização da Deso foi fruto das discussões mantidas com a direção do sindicato dos trabalhadores da Companhia, o Sindisan, e resulta do meu compromisso histórico com a defesa do caráter público e estatal na prestação dos serviços de abastecimento de água e de esgotamento sanitário à população sergipana. Temos que somar forças para evitar que se entregue esta empresa, que é estratégica para todos os sergipanos, aos interesses do capital privado, que não tem compromisso com o social ou com a oferta igualitária dos serviços, mas apenas com o lucro e a distribuição de dividendos com acionistas. Água não é mercadoria, mas um bem coletivo e um direito comum”, explica o vereador Iran Barbosa.

Caberá a Frente, entre outras atribuições, sensibilizar a sociedade para a importância do reconhecimento do saneamento básico como direito de todos, indispensável à melhoria da qualidade de vida da população; contribuir para a formulação de políticas que enfrentem e combatam as variadas formas de privatização da Política Municipal de Saneamento; contribuir para o fortalecimento da subordinação das ações de saneamento básico ao interesse público, de forma a cumprir a sua função social; assim como elaborar e apresentar proposituras de toda natureza que fomentem o fortalecimento do caráter público e estatal da Política Municipal de Saneamento em Aracaju.

Também será papel da Frente realizar Audiências Públicas que contribuam para o fortalecimento do caráter público e estatal da Política Municipal de Saneamento em Aracaju; e promover, envolvendo as organizações da sociedade civil, ações que visem à defesa do caráter público e estatal da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso).

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247