Vice-presidente da Câmara anuncia rompimento com governo

Decisão do deputado Fábio Ramalho (PMDB-MG) é uma reação à escolha de Michel Temer pelo deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR) para ocupar o ministério da Justiça, cargo que era cobiçado pela bancada de Minas; "Estou rompendo com o governo e vou colocar toda a bancada de Minas para romper também", declarou

Fábio Ramalho
Fábio Ramalho (Foto: Gisele Federicce)

247 – O vice-presidente da Câmara, deputado Fábio Ramalho (PMDB-MG), anunciou nesta quinta-feira 23 seu rompimento pessoal com Michel Temer depois da escolha, pelo presidente, do deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR) para o ministério da Justiça.

O cargo que era cobiçado pela bancada do PMDB de Minas. "Estou rompendo com o governo e vou colocar toda a bancada de Minas para romper também", declarou Ramalho. "Se Minas Gerais não tem ninguém capacitado para ser ministro, não devemos apoiar esse governo", afirmou ainda.

"Vou trabalhar no plenário contra o governo, para derrotar o governo em tudo. A vice-presidência da Câmara vai ser um ponto de apoio aos que não estão contentes", continuou o deputado, em entrevista ao Broadcast Político.

Segundo ele, "Minas não aceita mais ficar sem ministério".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247