“Você matou a mamãe”, disse filho do atirador de Campinas

Um adolescente de 17 anos que saiu ileso da chacina que vitimou 12 pessoas em Campinas detalhou em depoimento à polícia como o crime ocorreu; ele disse que pensou, no começo, que o barulho dos tiros era de fogos de artifício; o jovem também ouviu o desespero do filho do atirador diante da mãe que acabara de morrer: “Você matou a mamãe"; depois disso, complementou o adolescente em depoimento, dois tiros foram ouvidos - possivelmente os disparos que mataram o menino de 8 anos

Um adolescente de 17 anos que saiu ileso da chacina que vitimou 12 pessoas em Campinas detalhou em depoimento à polícia como o crime ocorreu; ele disse que pensou, no começo, que o barulho dos tiros era de fogos de artifício; o jovem também ouviu o desespero do filho do atirador diante da mãe que acabara de morrer: “Você matou a mamãe"; depois disso, complementou o adolescente em depoimento, dois tiros foram ouvidos - possivelmente os disparos que mataram o menino de 8 anos
Um adolescente de 17 anos que saiu ileso da chacina que vitimou 12 pessoas em Campinas detalhou em depoimento à polícia como o crime ocorreu; ele disse que pensou, no começo, que o barulho dos tiros era de fogos de artifício; o jovem também ouviu o desespero do filho do atirador diante da mãe que acabara de morrer: “Você matou a mamãe"; depois disso, complementou o adolescente em depoimento, dois tiros foram ouvidos - possivelmente os disparos que mataram o menino de 8 anos (Foto: José Barbacena)

SP 247 - Um adolescente de 17 anos que saiu ileso da chacina que vitimou 12 pessoas em Campinas detalhou em depoimento à polícia como o crime ocorreu. Ele disse que pensou, no começo, que o barulho dos tiros era de fogos de artifício.

Só percebeu que seus parentes estavam sendo mortos quando viu um tio caído no chão. Ele perdeu a avó e a mãe na chacina. 

Escondido no banheiro, o adolescente conseguiu acionar a polícia por telefone e ouviu o atirador Sidnei ameaçar a mulher Isamara antes de matá-la. “Vou te matar. Você tirou meu filho”, disse Sidnei.

O jovem também ouviu o desespero do filho do atirador diante da mãe que acabara de morrer: “Você matou a mamãe.” Depois disso, complementou o adolescente em depoimento, dois tiros foram ouvidos - possivelmente os disparos que mataram o menino de 8 anos.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247