CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Wagner pode ser candidato a prefeito de Salvador

Pode ser cedo para tratar com solidez as possibilidades para a disputa pela prefeitura de Salvador em 2016, mas uma delas não deve ser descartada pelo prefeito ACM Neto; o PT está pensando seriamente em lançar ao tabuleiro o ex-governador e atual ministro da Defesa, Jaques Wagner; com favoritismo absoluto para se reeleger diante dos possíveis adversários prepostos até então, ACM teria como adversário o ex-governador que derrotou o carlismo, teve dois mandatos consecutivos e ainda elegeu seu sucessor; três vitórias ininterruptas; ao PT, a esperança de um partido que governa o País há 12 anos, a Bahia há oito e nunca elegeu um prefeito na terceira maior capital do País

Pode ser cedo para tratar com solidez as possibilidades para a disputa pela prefeitura de Salvador em 2016, mas uma delas não deve ser descartada pelo prefeito ACM Neto; o PT está pensando seriamente em lançar ao tabuleiro o ex-governador e atual ministro da Defesa, Jaques Wagner; com favoritismo absoluto para se reeleger diante dos possíveis adversários prepostos até então, ACM teria como adversário o ex-governador que derrotou o carlismo, teve dois mandatos consecutivos e ainda elegeu seu sucessor; três vitórias ininterruptas; ao PT, a esperança de um partido que governa o País há 12 anos, a Bahia há oito e nunca elegeu um prefeito na terceira maior capital do País (Foto: Romulo Faro)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Romulo Faro/Bahia 247 - Pode ser cedo para tratar com solidez as possibilidades para a disputa pela prefeitura de Salvador em 2016, mas uma delas não deve ser descartada pelo prefeito ACM Neto (DEM). Circula nos bastidores informação de que o PT está pensando seriamente em lançar ao tabuleiro o ex-governador e atual ministro da Defesa, Jaques Wagner.

Conforme nota na coluna Raio Laser, do jornal Tribuna da Bahia, 'setores do PT vinculam a possibilidade de lançar' Wagner. O motivo, segundo a coluna, seria o de que os petistas baianos avaliam que 'o ex-governador não tem ganhado nenhum tipo de projeção especial na qualidade de ministro, pois Dilma continuaria depositando toda a confiança política em Aloízio Mercadante'.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A possível candidatura de Jaques Wagner já tem até um mote: 'A oposição vive de microfone. A situação é de realizações'. O ministro ainda não se manifestou.

A ACM resta a preocupação, embora seja relativamente cedo. Com favoritismo absoluto para se reeleger diante dos possíveis adversários prepostos até então, o jovem democrata teria como adversário o ex-governador que derrotou o carlismo e teve dois mandatos consecutivos.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Wagner ainda conta com o favor de ter seu nome em evidência, tendo em vista que deixou o cargo há seis meses apenas e elegeu seu sucessor, Rui Costa.

O PT nunca elegeu um prefeito em Salvador e vê aí chances para lá de sólidas de fazê-lo.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO