“A gente vive a pós-ficção”, diz Xico Sá sobre possível investigação contra Gleisi

Jornalista e escritor Xico Sá criticou uma possível investigação da Procuradoria-Geral da República sobre as declarações da presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), em vídeo enviado para a Al Jazeera, rede de Tv do Qatar; "Fake news é café pequeno no Brasil, aqui a gente vive a pós-ficção", afirmou o escritor no Twitter

Jornalista e escritor Xico Sá criticou uma possível investigação da Procuradoria-Geral da República sobre as declarações da presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), em vídeo enviado para a Al Jazeera, rede de Tv do Qatar; "Fake news é café pequeno no Brasil, aqui a gente vive a pós-ficção", afirmou o escritor no Twitter
Jornalista e escritor Xico Sá criticou uma possível investigação da Procuradoria-Geral da República sobre as declarações da presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), em vídeo enviado para a Al Jazeera, rede de Tv do Qatar; "Fake news é café pequeno no Brasil, aqui a gente vive a pós-ficção", afirmou o escritor no Twitter (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jornalista e escritor Xico Sá criticou nesta quinta-feira (19) uma possível investigação da Procuradoria-Geral da República sobre as declarações da presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), em vídeo enviado para a Al Jazeera, rede de Tv do Qatar. "Fake news é café pequeno no Brasil, aqui a gente vive a pós-ficção", afirmou o escritor em sua conta no Twitter.

A Secretaria Penal da PGR abriu procedimento para analisar se vai ou não investigar as declarações de Gleisi. Foi instaurada uma "notícia de fato", um primeiro passo para que essa averigue uma denúncia. 

Páginas de direita criaram uma fakenews contra Gleisi acusando a parlamentar de ter pedido ajuda a terroristas para apoiar Lula.

No vídeo, Gleisi denunciou a perseguição contra ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Me dirijo ao mundo árabe, através da Al Jazeera, para denunciar que o ex-presidente Lula é um preso político em nosso país", disse.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247