Alexandre Garcia afirma que compra de respiradores "é excesso de gastos"

Ex-jornalista da Rede Globo Alexandre Garcia escreveu artigo no qual afirma que a anunciada compra de 65 mil respiradores artificiais para o Brasil combater a epidemia de coronavírus é "excesso de gastos". No texto, diz ainda que os governadores estariam "se aproveitando da situação de emergência para gastar demais". A reação nas redes sociais foi imediata

Alexandre Garcia
Alexandre Garcia (Foto: Marcos Corrêa/PR | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Ex-jornalista da Rede Globo Alexandre Garcia escreveu artigo no jornal paranaense Gazeta do Povo no qual afirma que a pretendida compra de 65 mil respiradores artificiais pelo Brasil para o combate à epidemia do coronavírus seria "excesso de gastos".  No texto, diz ainda que os governadores estariam "se aproveitando da situação de emergência para gastar demais". A reação nas redes sociais foi imediata.

Sob o título "65 mil respiradores para o Brasil não é excesso de gastos?", Alexandre Garcia escreveu: "(...) o Brasil está adquirindo 65 mil respiradores artificiais novos. As estatísticas mostram que a Itália usou 5 mil desses respiradores, o mundo usa hoje 50 mil, então por que 65 mil só para o Brasil? Será que não estão se aproveitando da situação de emergência para gastar demais? Tomara que os Tribunais de Contas da União e dos estados estejam de olho nisso. Tem muitos governos estaduais que estão com a corda no pescoço e podem estar se aproveitando da situação. Espero que não seja isso.

Veja a repercussão: 

 

 

 

 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247