Anna Muylaert dedica prêmio da Globo a Lula e a Dilma

"Quero dedicar esse prêmio às Jéssicas que estão hoje na universidade e a algumas pessoas que eu acredito que tem muito a ver com isso. Eu entendo essas pessoas como pai e a mãe das Jéssicas. Não no filme, mas na vida real, que são o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff", afirmou a diretora do filme "Que horas ela volta?", ao recebeer o prêmio Faz Diferença, oferecido pelo jornal O Globo, na categoria cinema

"Quero dedicar esse prêmio às Jéssicas que estão hoje na universidade e a algumas pessoas que eu acredito que tem muito a ver com isso. Eu entendo essas pessoas como pai e a mãe das Jéssicas. Não no filme, mas na vida real, que são o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff", afirmou a diretora do filme "Que horas ela volta?", ao recebeer o prêmio Faz Diferença, oferecido pelo jornal O Globo, na categoria cinema
"Quero dedicar esse prêmio às Jéssicas que estão hoje na universidade e a algumas pessoas que eu acredito que tem muito a ver com isso. Eu entendo essas pessoas como pai e a mãe das Jéssicas. Não no filme, mas na vida real, que são o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff", afirmou a diretora do filme "Que horas ela volta?", ao recebeer o prêmio Faz Diferença, oferecido pelo jornal O Globo, na categoria cinema (Foto: Aquiles Lins)

247 - A cineasta paulista Anna Muylaert, diretora do filme "Que horas ela volta?", dedicou o prêmio Faz Diferença, oferecido pelo jornal O Globo, à presidente Dilma Rousseff e ao ex-presidente Lula. 

"Quero dedicar esse prêmio às Jéssicas que estão hoje na universidade e a algumas pessoas que eu acredito que tem muito a ver com isso. Eu entendo essas pessoas como pai e a mãe das Jéssicas. Não no filme, mas na vida real, que são o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff", afirmou.

Veja vídeo:

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247