Aos risos, Alexandre Frota confessa crime hediondo

Subcelebridade do mundo pornô, ex-ator Alexandre Frota revelou ao programa da Band Agora é Tarde, apresentado por Rafinha Bastos, que teria feito relação sexual com uma mãe de santo, sem consentimento da mulher; descrevendo a situação em tom de deboche, Frota relatou que a vítima chegou a desmaiar, da força com que teria pressionado seu pescoço; Grupos de ativismo divulgaram cartas de repúdio às declarações do ex-ator, como o Coletivo Mariachi; "Num país onde uma mulher é estuprada a cada 12 segundos, não é difícil compreender que uma estatística como essa é produto de uma cultura que valoriza a violência sexual"

www.brasil247.com - alexandre frota
alexandre frota (Foto: Aquiles Lins)


247 - A subcelebridade do mundo pornô Alexandre Frota causou polêmica na internet ao afirmar que teria feito relação sexual com uma mãe de santo sem o consentimento dela. Frota participou do programa Agora é tarde, apresentado pelo humorista Rafinha Bastos, na Band, que foi ao ar no último dia 25. 

Descrevendo a situação com naturalidade e em tom de piada, Frota relatou que o crime teria acontecido ainda nos tempos em que trabalhava na Rede Globo. O ex-ator afirmou que, ao observar a mulher de costas, dentro do quarto, aproximou-se por trás dela e começou o ato sexual, ignorando suas recusas.

Ele ainda contou que pressionou tanto o pescoço da vítima que ela chegou a desmaiar. Terminado o ato sexual, Frota teria deixado a mulher desacordada no chão e dito aos demais que ela havia caído. Assim como o apresentador do programa, a plateia reagiu à história com risadas e aplausos, ignorando a gravidade dos fatos criminosos narrados pelo convidado.

Grupos de ativismo divulgaram cartas de repúdio às declarações do ex-ator, como o Coletivo Mariachi, do Rio de Janeiro. "Um crime hediondo foi confessado e aplaudido em rede nacional. Como isso é possível? Ora, num país onde uma mulher é estuprada a cada 12 segundos, não é difícil compreender que uma estatística alarmante como essa é produto de uma cultura que valoriza e cotidianiza a violência sexual", diz o texto.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Outro trecho presta solidariedade à suposta vítima do ex-ator. "Não sabemos quem é a Mãe de Santo em questão. Não sabemos a sua idade, a sua cor, a sua classe, como ela vive, o que ocorreu após o estupro. Mas, muito mais do que "estamos", SOMOS com ela. Poderia ser com qualquer uma de nós. Muitas vezes foi. E agora assistimos de nossas casas ao show de horrores que gargalha e se orgulha da nossa dor", ressalta.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A nota chama atenção também para o racismo e o preconceito contra as religiões de matriz africana que também estariam presentes no discurso do ex-ator. "Levantamos aqui uma campanha pelo amplo debate acerca do episódio, na expectativa de que o Ministério Público adote providências diante do relato, que além da violência sexual é carregado de racismo, pela forma desrespeitosa com que Frota se refere a uma fé de matriz afro", conclui.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assista abaixo a entrevista polêmica de Alexandre Frota, a partir dos 26 minutos. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email