Apple acossa mercado com iPad mais potente e veloz

Sucessor do mito Steve Jobs, Tim Cook apresentou hoje, em San Francisco, o "Novo iPad"; com conexo 4G, nitidez superior a de uma tela de HDTV e comando de voz, aparelho tem no preo mais um atrativo: custa o mesmo que o iPad 2; a fbrica da ma tecnolgica ressurgindo em sua melhor forma?

Apple acossa mercado com iPad mais potente e veloz
Apple acossa mercado com iPad mais potente e veloz (Foto: ROBERT GALBRAITH/Reuters)

247 – "Hoje estamos anunciando o novo iPad, e ele é fantástico”, começou Tim Cook, o sucessor de Steve Jobs no comando da Apple, a apresentar a terceira versão do tablet mais famoso do mundo. O “novo iPad”, e não iPad 3, como o aparelho vinha sendo chamado, chega com resolução de 2048 x 1536, com 3,1 milhões de pixels (264 pixels por polegada), melhor que a de uma HDTV, conexão 4G, câmera de vídeo em full HD e comando de voz.

O iPad também ficou mais rápido, por estar equipado com processador A5X de quatro núcleos. O botão “home”, que, cogitava-se, não estaria na nova versão do aparelho, foi confirmado. Fisicamente, é idêntico ao antecessor, a não ser por algumas medidas.

A única desvantagem do novo modelo do iPad para seu antecessor são as medidas e peso. A novidade chega com 635 gramas e tem 9,4 milímetros, enquanto o iPad 2 tem 600 gramas e 8,8 milímetros de espessura. O tamanho da tela, contudo, é o mesmo -- especulava-se que ele poderia cair de 9,7 polegadas para 7 polegadas.

O novo aparelho começa a ser vendido nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, França, Alemanha, Suíça, Japão, Hong Kong, Cingapura e Austrália já no próximo dia 16, e aos mesmos preços do iPad 2 (o mais barato, com 16 gigabytes de capacidade, custa US$ 499), e as mesmas capacidades, 16, 32 e 64 gigabytes. A ferramenta de reconhecimento de voz não permite tantas atividades quanto o Siri, do iPhone, mas reconhece inglês (americano, britânico e australiano), francês, alemão e japonês.

O tablet passa a ser vendido em alguns países da Europa e da América Central no dia 23 de março -- ainda não existe previsão para lançamento no Brasil. Com o lançamento, o preço do iPad 2 cai US$ 100 -- o modelo mais básico (sem 3G) passa de US$ 499 para US$ 399.

iCloud

Durante a apresentação do novo aparelho, o CEO da Apple, Tim Cook, destacou que já foram vendidos 55 milhões de iPads, somando suas duas primeiras versões. A primeira novidade do dia foi o anúncio de que o iCloud também vai suportar filmes, que estarão disponíveis na loja virtual da Apple em alta definição (1080p).

Cook destacou que o iPad “definiu uma nova categoria (pós-PC). De várias formas, o iPad reinventou a computação portátil e está superando as nossas previsões mais otimistas”. O sucessor de Steve Jobs aproveitou para destacar que a Apple vendeu 315 milhões de iPhones, iPads e iPods touch no ano passado, 62 milhões apenas nos três últimos meses do ano.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247