Apresentadora do Vídeo Show indica racismo da Globo em sua demissão

A jornalista Alinne Prado, primeira negra a ocupar a bancada do programa Vídeo Show, fez um desabafo em uma rede social e afirmou que sua demissão do programa da Globo está associada à cor de sua pele; "são as chibatadas contemporâneas. Não nos deixam ocupar a sala da casa grande, por mais qualificados que sejamos", escreveu no Instagram

Apresentadora do Vídeo Show indica racismo da Globo em sua demissão
Apresentadora do Vídeo Show indica racismo da Globo em sua demissão

247 - A jornalista Alinne Prado, primeira negra a ocupar a bancada do programa Vídeo Show, fez um desabafo em uma rede social e afirmou que sua demissão do programa da Globo está associada à cor de sua pele. "São as chibatadas contemporâneas. Não nos deixam ocupar a sala da casa grande, por mais qualificados que sejamos", escreveu no Instagram.

"O texto de Alinne foi uma resposta ao comentário de uma seguidora, identificada como Patrícia Rammos. Ela elogiou a escalação das ex-BBBs Fernanda Keula, Vivian Amorim e Ana Clara Lima para o Vídeo Show ao lado de Sophia Abrahão, mas sentia falta de uma profissional mais madura. E também apontou a falta de diversidade no elenco. Todas as apresentadoras atuais são brancas de cabelos loiros ou ruivos.

'Apesar de ser a primeira negra a sentar na bancada do programa, fui demitida sob a justificativa de que, apesar de gostarem muito do meu trabalho, precisavam de alguém mais 'neutro' (sic) do que eu. E como estavam passando por uma crise, eles precisavam enxugar o quadro de repórteres (que depois da minha saída aumentou). Nunca falei disso publicamente, mas me dói demais ver isso acontecer', desabafou."

Leia mais aqui. 

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247