Assessor de Bolsonaro compara jornalismo a prostituição e Noblat se revolta

"O jornalismo está para a informação como a prostituição está para o amor", escreveu Filipe Martins, um dos principais assessores de Jair Bolsonaro. "É tão velho e atrasado quanto Bolsonaro", reagiu Ricardo Noblat

247 – Jair Bolsonaro voltou a atacar a imprensa, desta vez por meio de seu assessor internacional Filipe Martins, que é um dos principais ideólogos da política de submissão total do Brasil aos interesses de Donald Trump e Steve Bannon. Num tweet, Martins comparou o jornalismo brasileiro à prostituição e foi repreendido pelo jornalista Ricardo Noblat. Confira:

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247