Até o jornalismo tradicional começa a se impacientar com Bolsonaro

A jornalista Daniela Lima da Folha de S. Paulo afirma que a imprensa tradicional nunca foi tão atacada como neste momento e que os autores desses ataques - que são violentos - são os eleitores e simpatizantes de Bolsonaro; para eles, segundo Lima, tudo o que for 'contra' Bolsonaro é fake; eles rotulam o jornalismo, as instituições e, a rigor, toda a realidade empírica e factual de um país que lhes é desaforável

Até o jornalismo tradicional começa a se impacientar com Bolsonaro
Até o jornalismo tradicional começa a se impacientar com Bolsonaro (Foto: REUTERS/Diego Vara)

247 - A jornalista Daniela Lima da Folha de S. Paulo afirma que a imprensa tradicional nunca foi tão atacada como neste momento e que os autores desses ataques - que são violentos - são os eleitores e simpatizantes de Bolsonaro. Para eles, segundo Lima, tudo o que for 'contra' Bolsonaro é fake. Eles rotulam o jornalismo, as instituições e, a rigor, toda a realidade empírica e factual de um país que lhes é desaforável. 

Em seu artigo, a jornalista preambula com estilo: "no já célebre 'Como as Democracias Morrem', Steven Levitsky e Daniel Ziblatt mostram como a intimidação à mídia está conectada à falência do Estado de Direito. O ataque sistemático à imprensa, que passa a ser apresentada como inimiga de políticos e regimes, está fartamente descrito no livro como parte do processo de fragilização das democracias pelo mundo".

E prossegue, em doses homeopáticas de ironia: "o fenômeno não é, portanto, criação do Brasil. Nem novo é por aqui. Ganhou, porém, escala e organização inéditas na disputa eleitoral deste ano, protagonizado —sem exclusividade, é verdade, mas com destaque— por apoiadores de Jair Bolsonaro (PSL)".

Lima, finalmente, apresenta sua tese: "qualquer reportagem que incomode o candidato ou seus simpatizantes é descrita como fake. O Judiciário, o Congresso, os partidos e os adversários são alvos de tratamento semelhante. Até a Polícia Federal, exaltada por muitos dos que são 'contra tudo o que está aí', recebeu pedradas. Nenhuma instituição parece merecer voto de confiança".

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Mídia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247