Ato falho

Secretaria da Cultura do Estado de So Paulo lamenta que Sarney no tenha morrido no lugar de Alencar

247 - Ao anunciar a morte do ex-vice-presidente José Alencar, a Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo publicou no microblog Twitter: “Por que foi o José Alencar e não o Sarney?”, referindo-se ao presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP).

De acordo com o Terra Magazine, a Secretaria de Cultura de São Paulo afirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, que um funcionário estava com duas contas do Twitter abertas na hora de postar a mensagem. O erro foi que, em vez de postar a mensagem em sua página pessoal, publicou na da Secretaria.

Após o erro cometido pelo órgão, o presidente do Senado virou um dos TT´s da rede no Brasil, ou seja, um dos assuntos mais falados pelos usuários. A menção de Sarney é motivada pela replicação da frase da Secretaria, elogiada pelos internautas.

Não é a primeira vez que José Sarney é personagem de má utilização da rede. No mês passado, uma funcionária do STF – Supremo Tribunal Federal – questionou Sarney sobre quando ele se aposentaria, após o anúncio de aposentadoria de Ronaldo Fenômeno. Detalhe: a mensagem foi publicada no perfil oficial do STF no Twitter. A funcionária foi demitida do órgão.


 

Ao vivo na TV 247 Youtube 247