Bolsonaro ameaça jornalistas ao defender licença para policiais matarem

Em um gravíssimo ataque aos profissionais da imprensa nesta sexta-feira, 9, Jair Bolsonaro ameaçou jornalistas ao defender excessos de policiais ao assassinar criminosos, mas os "excessos" de jornalistas não são punidos; "Se excessos jornalísticos desses cadeia, todos você estariam presos agora", disse Bolsonaro em vídeo

247 - Jair Bolsonaro perpetrou nesta sexta-feira, 9, um grave ataque aos jornalistas brasileiros. Durante entrevista coletiva ao lado do ministro da Justiça, Sérgio Moro, Bolsonaro ameaçou jornalistas ao defender excessos de policiais ao assassinar criminosos, mas os excessos de jornalistas não são punidos.

"Queremos tirar o 'excesso' do Código Penal, afinal atirar num bandido duas ou mais vezes deve ser motivo de comemoração (sinal que o policial está vivo), e não de condenação. Já os excessos dos jornalistas...", escreveu Bolsonaro pelo Twitter. 

No post ele compartilha vídeo em que ameaça de prisão do jornalistas. "Se excessos jornalísticos desses cadeia, todos você estariam presos agora", disse Bolsonaro em ataque à liberdade de expressão, garantida pelo Artigo 5 da Constituição. 

Assista:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247