Boulos: Jesus, no Brasil de hoje, seria mandado para Cuba

O líder do MTST e ex-candidato à presidência da república Guilherme Boulos aproveitou o natal para atualizar as percepções em torno da figura de Jesus Cristo e chegou à conclusão de que se reaparecesse hoje no Brasil, com sua pauta dedicada à igualdade e justiça, Jesus seria achincalhado nas sessões de comentários das redes sociais e ouviria nas ruas: "Vai pra Cuba, Jesus!". Boulos ainda diz que "mandariam levar 'para casa' a mulher que ele salvou do apedrejamento"

Boulos: Jesus, no Brasil de hoje, seria mandado para Cuba
Boulos: Jesus, no Brasil de hoje, seria mandado para Cuba (Foto: Foto: Mídia Ninja)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O líder do MTST e ex-candidato à presidência da república Guilherme Boulos aproveitou o natal para atualizar as percepções em torno da figura de Jesus Cristo e chegou à conclusão de que se reaparecesse hoje no Brasil, com sua pauta dedicada à igualdade e justiça, Jesus seria achincalhado nas sessões de comentários das redes sociais e ouviria nas ruas: "Vai pra Cuba, Jesus!". Boulos ainda diz que "mandariam levar 'para casa' a mulher que ele salvou do apedrejamento". 

Confira o Twitter de Guilherme Boulos:

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247