Comentários de Neto causam mal estar na Band

Declaraes do comentarista esportivo contra o apresentador Milton Neves irritaram a direo da emissora; assista aos vdeos

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O clima anda quente nos bastidores da rede Bandeirantes. A direção da emissora não aprovou as últimas provocações feitas pelo apresentador e comentarista Neto. Em um quadro do programa Esporte Interativo, transmitido pelo canal UHF, dedicado a esportes, o ex-jogador declarou, segurando um isqueiro, que "não colocava a mão no fogo" por jornalistas como Milton Neves e Luciano do Valle. Os dois jornalistas são companheiros de emissora do ex-jogador.

Segundo informações do portal Oops!, do UOL, a crise gerada pelo comentário desagradou a diretoria da emissora, que deu duas opções a Neto, pedir desculpas ao jornalista ou demissão. Sem questionar a decisão, o comentarista aceitou retratar-se com Milton Neves.

O tratamento rígido usado para resolver o caso teria sido adotado pela emissora para alertar seus funcionários sobre a proibição em criticar colegas da Band ou mesmo de outros veículos. O primeiro constrangimento entre contratados da Band aconteceu em 2008, quando o narrador Luciano do Valle declarou, antes de uma transmissão, que não considerava Milton Neves, Neto e o ex-árbitro Oscar Roberto Godói comentaristas e muito menos jornalistas, e que para exercer a profissão era necessário ter diploma. O comentário tornou-se um dos vídeos mais populares da internet. Assista abaixo:

Declaração de Neto:



Declaração de Luciano do Valle:

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247