DCM: campanha contra Maria do Rosário foi orquestrada por sites direitistas

Jornalista Kiko Nogueira, do Diário do Centro do Mundo (DCM) divulgou nesta sexta-feira, 24, reprodução de conversas de militantes de extrema-direita em que eles organizam os ataques desferidos contra a deputada Maria do Rosário e sua de 16 anos; "O DCM teve acesso a trocas de mensagens entre essas pessoas, em que elas combinam a estratégia para baixar as fotografias, como chegar a certos agentes de disseminação e como "conduzir" o escândalo. Os caluniadores se reúnem no site 55chan, conhecido por ser um antro com toda sorte de conteúdo racista, homofóbico, antissemita, militarista e pornográfico", escreve Nogueira; veja trechos de conversas

Jornalista Kiko Nogueira, do Diário do Centro do Mundo (DCM) divulgou nesta sexta-feira, 24, reprodução de conversas de militantes de extrema-direita em que eles organizam os ataques desferidos contra a deputada Maria do Rosário e sua de 16 anos; "O DCM teve acesso a trocas de mensagens entre essas pessoas, em que elas combinam a estratégia para baixar as fotografias, como chegar a certos agentes de disseminação e como "conduzir" o escândalo. Os caluniadores se reúnem no site 55chan, conhecido por ser um antro com toda sorte de conteúdo racista, homofóbico, antissemita, militarista e pornográfico", escreve Nogueira; veja trechos de conversas
Jornalista Kiko Nogueira, do Diário do Centro do Mundo (DCM) divulgou nesta sexta-feira, 24, reprodução de conversas de militantes de extrema-direita em que eles organizam os ataques desferidos contra a deputada Maria do Rosário e sua de 16 anos; "O DCM teve acesso a trocas de mensagens entre essas pessoas, em que elas combinam a estratégia para baixar as fotografias, como chegar a certos agentes de disseminação e como "conduzir" o escândalo. Os caluniadores se reúnem no site 55chan, conhecido por ser um antro com toda sorte de conteúdo racista, homofóbico, antissemita, militarista e pornográfico", escreve Nogueira; veja trechos de conversas (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Kiko Nogueira, do Diário do Centro do Mundo (DCM) divulgou nesta sexta-feira, 24, reprodução de conversas de militantes de extrema-direita em que eles organizam os ataques desferidos contra a deputada Maria do Rosário e sua de 16 anos. 

Imagens da garota relacionando-a a uso de drogas foram publicadas em inúmeros sites e nas redes sociais (leia aqui).

"O DCM teve acesso a trocas de mensagens entre essas pessoas, em que elas combinam a estratégia para baixar as fotografias, como chegar a certos agentes de disseminação e como "conduzir" o escândalo. Os caluniadores se reúnem no site 55chan, conhecido por ser um antro com toda sorte de conteúdo racista, homofóbico, antissemita, militarista e pornográfico", escreve Nogueira. 

PUBLICIDADE

Ele explica que nas conversas, vários memes são distribuídos, assim como as fotos. Determinadas comunidades do Facebook são sugeridas para ser recebedoras dos retratos da "anorexa (sic)" e da "aidética".

"Uma delas é 'Marx da Depressão', alinhada ideologicamente com a turma. Mas eles falam também em enviar para representantes da 'Grifinoria' (uma das escolas de magia dos livros de Harry Potter, cujo nome virou coletivo de esquerdistas), como Catraca Livre, Mídia Ninja e Socialista Morena", afirma. 

"Para estes, há uma espécie de manual de instruções. 'Precisamos fingir preocupação. Tipo: 'Olha o que esses fascistas estão fazendo'', escreve um. 'Sejam bons atores', aconselha outro", acrescenta. 

PUBLICIDADE

Kiko Nogueira lembra que a vida de uma adolescente e, por extensão, de seus familiares está sendo exposta irresponsavelmente, sua intimidade "devassada de maneira monstruosa por hordas movidas a um ódio sub humano".

"Esse esgoto não está na deep web ou num subterrâneo inexpugnável. O candidato deles apareceu em segundo lugar numa pesquisa de intenção de voto para 2018. Tudo está diante dos seus olhos", afirma. 

Leia na íntegra o artigo de Kiko Nogueira. 

PUBLICIDADE

Confira alguns trechos de conversas. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE

Apoie o 247

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email