Depois da Joven Pan, Band também afasta Marco Antonio Villa

Bolsonaro tem pressionado meios de comunicação a aderir ao governismo em troca de publicidade. Crítico do bolsonarismo, o apresentador teve que tirar férias compulsórias na Jovem Pan, de onde depois decidiu se afastar definitivamente

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Cerca de quatro meses depois de ter sido afastado - com férias compulsórias - da Jovem Pan, Marco Antonio Villa, crítico ferrenho do bolsonarismo, deixou de apresentar o "Jornal Primeira Hora", na Rádio Bandeirantes. Segundo um comunicado da empresa, foi uma decisão de "comum acordo".

O governo de Jair Bolsonaro tem pressionado meios de comunicação a aderir ao governismo em troca de publicidade.

Nesta quinta-feira 31, Villa fez um comentário duro contra Bolsonaro e seus filhos, que segundo ele cometeram "crimes" e têm "ligação com a marginalidade", de forma incomparável a outros governos. "Nunca na história do Brasil um presidente da República teve ligações desse tipo", declarou. 

Leia o comunicado da Bandeirantes, postado pelo deputado Alexandre Frota (PSDB-SP), e assista ao comentário de Villa desta quinta:

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247